Piwik: an alternative to Google Analytics

Now that we have at least two alternatives to Gmail, we can move on looking for replacements to other Google services. Quoting Piwik’s FAQ:

Piwik is the leading open source web analytics software. […] One of the principle advantages of Piwik is that you are in control. Unlike remote-hosted services (like Google Analytics), you host Piwik on your own server. The installation process is very simple, and Piwik is just as simple to use and understand.

Continuar lendo

Notas de lançamento do Classix 0.3.1

Essa é uma correção menor do Classix 0.3 para usuários do Maemo, especialmente proprietários dos Internet Tablets da Nokia. A última versão do Classix continha um pequeno erro que impedia o aplicativo de ser executado no Maemo, mas agora a situação está corrigida. Usuários do Ubuntu e outras distribuições GNU/Linux não precisam se preocupar, porque não são afetados por esse erro.

Como de costume, o Classix 0.3.1 está disponível na página de downloads.

(Mais) um presente de Natal para o GNOME

Numa espécie de resolução de ano novo adiantada, pensei em fazer um balanço de minhas contribuições para a equipe brasileira de software livre, mas em vez disso fiz algo mais simples, que eu já devia ter feito há muito tempo. Reuni algumas anotações minhas de 2008 e um e-mail de Gustavo Vieira (o primeiro coordenador da equipe), e criei a página de Memórias da Equipe Brasileira de Tradução do GNOME no wiki do GNOME-BR. Ela ainda tem pouca informação; por exemplo, todo o período de 2007 para frente está faltando. Vou precisar da colaboração de outros membros atuais e pregressos da equipe, já que prefiro não fazer propaganda de mim mesmo no wiki.

Para completar, melhorei o artigo da Wikipédia sobre o GNOME. Vocês podem ver minha colaboração na introdução e na seção de história. Novamente, conto com a colaboração dos colegas da comunidade GNOME-BR para completar esse artigo, que ainda precisa melhorar muito para dar aos leitores a dimensão do projeto GNOME.

Fora isso, um feliz Natal a todos. Já que Jesus Cristo não nasceu dia 25 de dezembro, pelo menos a gente pode aproveitar a desculpa para estar junto das pessoas com quem a gente realmente se importa.

Presente de Natal para a Fundação GNOME

Eu preciso ser sincero com vocês. Vocês se lembram de quando eu me tornei um amigo do GNOME? Na época houve um problema e, ao invés de fazer uma doação mensal como planejado, só a primeira doação foi realizada. Agora que recebi meu décimo terceiro, tomei vergonha na cara e fiz uma doação de 120 dólares para a Fundação GNOME. Estou satisfeito com o desenvolvimento do GNOME, e espero que doações como a minha contribuam para que o projeto continue fazendo a diferença. Sugiro a todos que também façam uma doação, seja para a Fundação GNOME, seja para alguma pessoa específica.

Continuar lendo

Why (and how) I left Gmail

After reading Luis Villa’s concerns about how little Google values our privacy, I decided leaving Google services as well. In fact, I already left Gmail 1.5 year ago, not (only) because of privacy concerns, but because I was simply not satisfied with its IMAP support.

Call me old fashioned if you will, but I want an offline cache of my email. IMAP is of course the best protocol for that, but Google doesn’t support IMAP very well. They use folders as an offline implementation of their tagging feature, instead of actually using IMAP tags. This means downloading messages multiple times, which is not funny at all. And then, there is Philip Van Hoof saying [Google’s] IMAP server is probably one of the poorest imaginable. (Edit: See also this rant by Opera Software’s lead QA for Opera Mail.)

I don’t feel like running my own email server, either on my computer or in the cloud, so I went with FastMail. Their email solution is not free of cost, unless you keep very little email, but I find their price and service fair enough. I think that the only catch is, I didn’t go for the most expensive plan, so I can’t keep arbitrarily large attachments from many years ago. That’s OK for me. I download the important attachments to my hard drive and use a proper backup instead; and I can still keep the respective email messages.

I still have my Gmail account, which redirects to the FastMail one. I just don’t give my Gmail address to anyone these days, and I don’t use their SMTP server any more. I miss the conversation view, but I found out I can live without it. I reimplemented Gmail’s archive with an “Archive” folder inside Inbox, but latter it grew too big and I split it in one folder for each year.

I gave up most of my tags during the migration, because I didn’t really use them to search the email archive. For the remaining tags, I used the extended tagging feature of IMAP. I have less then 5 tags, so I could use the standard ones, but Evolution and Thunderbird have the same default names for these 5 tags, so I decided to just not change them. FastMail doesn’t really provide a way for me to set or see tags in their web interface, but that’s OK for me, because I use primarily Evolution to check and manage my email. The important thing is that FastMail doesn’t brake my tags. Sadly, OfflineIMAP doens’t implement these arbitrary tags yet, so I can’t use it to relay my email.

I’d love to know about other email solutions. I’m not really considering a move any time soon, but the discussion could be very interesting for current Gmail users.

Update: My username at FastMail.fm is leonardof. If you subscribe to the service, please inform me as the referer. Not that I’ll receive much for it, but that’s an interesting way to know if people are actually using FastMail.

Fundação GNOME discute possível censura no Planet GNOME

Em geral não gosto de expor discussões internas do GNOME, pois elas já são conduzidas de forma aberta e as pessoas realmente interessadas já costumam estar envolvidas. Dessa vez acredito que o assunto será trazido em breve para a imprensa especializada, e diz respeito aos valores que o GNOME deve defender. Richard Stallman defendeu que o Planeta GNOME não publique artigos falando bem de software proprietário, mas esses artigos são sobre projetos em que estão envolvidas pessoas que colaboram, ou colaboraram, com o GNOME, e muitos deles usam a plataforma GTK+/GNOME. Quando Richard Stallman lembrou que o Projeto GNOME é filiado ao Projeto GNU, algumas pessoas chegaram a considerar votar a (des)filiação.

Continuar lendo

6º lugar nas pesquisas

Acabei de perceber que uma página minha é o sexto resultado ao pesquisar no Google por gnome e linux. É engraçado, porque a página praticamente não tem conteúdo, só links, e foi criada como uma espécie de glossário para paraquedistas, e não para receber visitas diretamente. Isso mostra como o título é importante para o motor de pesquisas…