Compartilhe a experiência de doar sangue

Aproveitando a campanha do Ministério da Saúde e o incidente do FISL 10, convido os leitores a contar como foi a sua última doação de sangue. Quero fazer uma coleção de relatos aqui, para que as outras pessoas se sintam ainda mais motivadas a doar também!

No meu caso, a doação de sangue mais recente foi em Ribeirão Preto (SP), antes de eu me mudar para Linhares (ES). O período mínimo entre as doações já tinha passado, e eu sabia que por um ou dois meses minha vida seria tumultuada o suficiente para eu não encontrar tempo para doar sangue. O posto de coleta estava quase vazio, como de costume, mas dessa vez demorou uns 15 minutos entre eu chegar e a coleta de sangue chegar, porque os computadores estavam fora do ar. Eu tinha tomado um analgésico para dor de cabeça (dica: não foi o demerol ;)), mas o tempo mínimo já tinha passado, então isso não impediu a doação. Foi engraçado ter que explicar algumas vezes que eu já não tinha endereço fixo (já tinha entregado as chaves do apartamento anterior, e não tinha ainda alugado apartamento em Linhares), mas dei o endereço de meus pais. Também avisei que não poderia voltar para pegar a carteirinha, mas que na eventualidade do banco de sangue precisar entrar em contato comigo, bastava usar o e-mail. A doação de sangue em si foi como sempre, parecendo um intervalo de filme na televisão: comprido demais para se ficar parado, curto demais para se ler ou fazer qualquer outra coisa. Eu fiquei de olho, e o material usado era recém-aberto e foi descartado depois da doação. Como (quase) sempre, a pessoa que coletou o sangue tinha uma habilidade impressionante, e apesar da agulha ser bem grossa a doação quase não doeu. O lanche na saída foi gostoso, como de costume, até atrasei um pouco o jantar por causa dele. Vai ser uma pena não voltar lá para ver o pessoal!

172 respostas em “Compartilhe a experiência de doar sangue

  1. Costumo doar sangue sempre que posso e as condições são realmente ótimas.

    As enfermeiras são gentis e o material realmente é descartado. Não há por que ter medo de contrair doenças ao doar sangue.

    Eu doei várias vezes no Hospital das Clínicas e no hospital do câncer em São Paulo. Em todas as vezes fui muito bem tratado e nunca fiquei esperando demais. o HC inclusive te dá a opção de agendar sua doação e passar na frente da fila. Outra coisa que seria legal você comentar Leonardo, é a doação de glóbulos brancos. Quando fiz a enfermeira comentou que uma doação pode ajudar cerca de 30 pessoas e que em 48 horas o nível já voltaria ao normal. O único empecilho é que essa doação demora cerca de 90 min (o que é bastante tedioso :-()

    De qualquer maneira, doe sangue. E fique ligado nos critérios dispostos em todo posto de doação para não oferecer perigo a quem recebe seu sangue. E seja realmente sincero ao responder as questões da assistente social.

    Abraços e parábens pela iniciativa Leonardo

  2. Rodrigo, glóbulos brancos ou plaquetas? Apesar de eu nunca ter visto, sei que existe doação por aférese, que retira apenas um componente, geralmente as plaquetas. Realmente a pessoa sente menos falta, até porque o normal são mais que 150 mil plaquetas por mm³, mas 50 mil já são o suficiente para tolerar uma cirurgia. Para o receptor, a vantagem é que é necessário misturar o sangue de menos gente na hora de repor as plaquetas, de forma que diminui ainda mais a chance de contrair alguma doença pelo sangue. Essa change hoje em dia é muito. muito pequena, mas algumas pessoas recebem hemoderivados de vários doadores com muita freqüência, e aí o risco aumenta…

  3. Fui doador desde os 21 anos de idade até os 30, e doava sangue 4 vezes ao ano (limite imposto pelo Ministério da Saúde, pois um homem pode doar sangue de 2 em 2 meses, ou seja, 6 doações por ano). Só parei de doar porque hoje faço tratamento contra espondilite anquilosante, com sulfassalazina e metotrexato. Já tive medo de agulhas quando criança (qual criança não tem?) mas depois que um professor meu da PUCRS precisou doadores (ele ia fazer uma cirurgia de ponte de safena), peguei gosto pela coisa e não parei mais. Aqui em Porto Alegre doei sangue em alguns hospitais, sendo que no Hospital da ULBRA as enfermeiras do hemocentro já me chamavam pelo nome sem precisar olhar meu documento de identidade.🙂

    Fui doador no Hospital Nossa Senhora da Conceição, na Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre (onde fizeram confusão com meus exames e disseram que eu estava com hepatite C, mas tudo não passou de um mal entendido no laboratório) e a minha primeira doação foi num laboratório no centro de Porto Alegre (cujo nome não recordo agora).

    Sinto falta de doar sangue, e fico chateado também por saber que tem muita gente que não doa porque acha que dói ou que nunca vai precisar… Os hemocentros precisam muito de doadores, lembrando que o tipo O- é o doador universal, e o AB+ é o receptor universal. O meu é A+.

  4. Bremm, tive uma experiência semelhante uma vez, só que no meu caso foi hepatite B. Os hemocentros calibram os aparelhos para ficarem muito sensíveis, de forma a não deixar escapar praticamente nenhum caso, mesmo que às custas de dar positivo (“doente”) em algumas pessoas sadias. No meu caso, não fiquei muito nervoso, pois já eu sabia que não tinha como eu ter pego hepatite B recentemente, e já sabia dessa sensibilidade excessiva dos testes de hemocentro🙂

    • Gostaria de saber se o comparecimento para novos exames eh obrigatorio? Recebi a carta e estou apavorada com a possibilidade de ter algo serio…prefiro procurar um medico de minha confianca. Sera que serei importunada caso nao compareca? Obrigada, desde ja.

  5. Pingback: Leonardo via Rec6

  6. Ainda não doei sangue, meu medo não é agulhas ou doenças (se tudo for sempre limpinho e descartável), há um ano tive começo de anemia, minhas plaquetas estavam mais baixas que o normal, hoje estou bem melhor, mas peso 58 kg e meço 1,75 m. O limite de peso é 50 kg para doar, é estranho mas é como eu me sentisse ainda muito ”fraquinha” para doar. Meu metabolismo é beeem acelerado, emagreço com muita rapidez e tenho muito medo de ficar com anemia de novo, é um fantasma que tenho em mente, mas vou ser doadora sim, por isso faço dieta de engorda (risos) tomo até sustagem para me ajudar…
    Enfim hoje estou fazendo uma campanha na empresa em que eu trabalho, para doarem sangue, um senhor que trabalhou conosco e hoje é aposentado precisou de sangue ao ser operado no Hospital Santa Isabel em Blumenau, SC, e então precisam fazer a reposição deste sangue. Vamos tentar concientizar quem está em condições de doar, inclusive a mim, levando em consideração as minhas condições também.

  7. Simone, pode ficar tranqüila quanto ao peso, eu peso 57,7kg e doo sangue sem problema. Na verdade eu até passei mal na primeira doação, talvez por estar sem comer havia 5 horas, mas isso nunca mais aconteceu. Se você estiver saudável, a doação não causa anemia, mesmo doando três vezes por mês. O problema é que no dia da doação você não vai poder fazer muito esforço.

    Obrigado pela campanha!

  8. Leonardo,

    por coincidência, estávamos hoje no almoço conversando sobre todos do meu setor irmos fazer doação. Então a minha próxima doação provavelmente será coletiva.😀

    Bom, mas voltando a minha última doação. Na verdade, foi uma não-doação.😦
    Um colega estava com o tio precisando de sangue e me ligou para ir fazer a doação. Ele me pegou no trabalho e fomos ao Hemonorte (onde sempre doei), mas acabei esquecendo de levar documentos e não pude fazer a doação.

    Essa prática é padrão para todos os orgãos que recolhem sangue? Acho que deveria haver alguma flexibilidade, ou mesmo o sistema ter nossa foto ou alguma outra forma de reconhecimento.

    • Não sei o motivo exato, mas os bancos de sangue são mesmo todos muito exigentes com documentação. Até hoje só doei em dois lugares diferentes, então várias vezes em cada um. (Uma vez levei a esposa para doar sangue e me perguntaram “já voltou?!”) E mesmo assim, a cada vez eu precisava mostrar os documentos, mesmo já estando cadastrado.

      Talvez eles devessem fotografar os doadores com uma webcam na primeira doação🙂

  9. Eu doei sangue uma vez ano passado, e duas nesse ano, em Osasco-SP, no Hospital Regional. Lá tem uma unidade do Pró-Sangue.

    Sempre tive veias boas nos braços. Não dá pra ver, mas pra sentir com os dedos. Resolvi doar, e me senti bem com isso. Doeu menos do que eu imaginava. Depois tem lanche e suquinho🙂

    Uma dica, pra pessoas que tiveram gripe (mesmo a normal) espere um tempo antes de doar sangue, uma semana ou mais. Quando fui doar, no começo do ano, fazia pouco tempo que tinha tido uma gripe, e fui pego num teste que acusa Hepatite. Fui lá, fiz exames de novo pra provar que não tinha hepatite e fui liberado pra doar novamente depois de uns meses (os três meses aplicados ao homem). De qualquer maneira, meu sangue foi descartado naquela doação😦

    Outra coisa: Não sei se a política dos bancos de sangue é comum a todos, ou se varia, mas aqui em Osasco, durante a entrevista, me perguntam se eu tive relações sexuais com pessoas do mesmo sexo no último ano. Respondi que não, mas perguntei se isso impediria alguém de doar. A mulher da entrevista respondeu que isso enquadra a pessoa num grupo de risco, e que eles preferiam que não doassem. Mas EU NÃO SEI SE ESSA É A POLÍTICA OFICIAL, mesmo pro Pró Sangue. Eu recomendo que quem estiver nesse grupo e quiser doar, pergunte antes pro órgão. No caso do pró-sangue, há um canal de e-mail e chat que você pode utilizar: http://www.prosangue.sp.gov.br/prosangue/actionfaleconosco.do#atendimento

    Não estou dizendo que concordo com essa política. Só estou postando como aviso.

    • Renan, essa pergunta é feita em todos os postos de coleta de sangue que conheci. A prevalência de AIDS entre homens que fazem sexo com outros homens é 11 vezes maior que a da população total. Isso não pode deixar de ser levado em consideração durante a triagem, ainda mais com a famosa “janela imunológica” de meses entre a contaminação e a positivação do exame.

      • Deveriam então assumirem que não aceitam coletar sangue de Bi e homossexuais…. entendo que a prevalência de AIDS neste seguimento (11 vezes maior como foi mencionado) é relevante, porém , o sangue vai ser examinado não é? eu sou homossexual, nunca fui promíscuo, tenho um relacionamento estável e me sinto discriminado por não poder doar sangue (na verdade é isso que acontece), já levei até exame negativo de AIDS, Hepatite, etc para doar sangue e fui recusado….. Tantos héteros que conheço promíscuos doando sangue … eu quero ver quem pode comprovar com exame contra DSTs (negativo) como eu tenho…. então deveria colocar na ficha logo que não aceitam, amigos pedem doação e eu não sei o que dizer….

  10. Sou doador de sangue há varios anos, alternando doações. Este ano doei no dia 25 de abril de 2009 no Hospital do Servidor Público Estadual, e no dia 06 de setembro de 2009 doei aí no Prosangue. Em todas as doações realizadas anteriormente todos os exames foram negativos, e para minha surpresa no dia 15 de outubro de 2009 recebi uma correspondencia da Prosangue para que eu comparecesse e realizasse novo exame, e no dia 16 de outubro efetuei novo exame. No dia 03/11/2009 fui buscar o resultado, e a Dra. que me atendeu disse que no primeiro exame realizado foi constatado Hepatite C, e na contra-prova realizada foi negativado, ela disse que o primeiro exame foi um FALSO-POSITIVO, mesmo afirmando que eu não tinha hepatites, e nenhuma outra doença que impedisse a doação de sangue, ela disse que nunca mais poderia doar sangue ai no Prosangue, pois já estava no “sistema”.
    “Um teste positivo pode estar errado, isto é, um falso-positivo e significa que o teste deu positivo, mas é realmente negativo. Isto acontece freqüentemente em pessoas que têm um baixo risco para a doença. Por exemplo, falsos testes de ANTI-HCV positivos acontecem mais freqüentemente em pessoas doadores de sangue que estão com baixo risco para hepatite C. Então, é importante confirmar um teste ANTI-HCV positivo com um teste suplementar. No sentido contrário, pessoas com infecção recente podem não ter desenvolvido níveis de anticorpo bastantes altos para que o teste os possa medir e já são portadoras”. (Texto extraido do extraído do site “grupoesperanca.org.br/diagnostico)
    Mesmo tendo sido negativado nos exames, me sinto injustiçado, é como se fosse acusado de um crime e após a comprovação da minha inocencia, o “sistema” continua a me acusar. O “sistema” manda mais que as pessoas que o controlam.
    Estou revoltado e indignado com tal situação. Como eu muito doadores ficam impedidos de doar, mesmo não tendo nenhuma doença.
    É muito burocrático e desumano o que eles fazem pois o “sistema” pode estar impedindo pessoas sãs de doarem, em detrimento da vida de muitas outras pessoas.

  11. Valdir, entendo o que você está sentindo. É muito frustrante ver nossas boas intenções serem impedidas de se realizar. Aparentemente os hemocentros são extremamente conservadores quando se trata de risco para os receptores de sangue e hemoderivados. Como você tem costume de doar em dois locais diferentes, você poderia conversar no outro lugar para ver se eles concordam com a conduta!

  12. Olá pessoal!
    Eu sempre sonhei em completar meus 18 anos logo para doar sangue.Sempre tive muita vontade e quando tive oportunidade começei a doar.Doava com frequência.Esperava o intervalo necessário e la estava eu novamente para mais uma doação.Porém da ultima vez que doei sangue deu positivo para hepatite.Eles me ligaram e pediram pra repetir o exame.Novamente deu positivo.Eu fiquei muito tristre, pq eu não tinha hepatite.Tinha tomado as 3 vacinas contra hepatite e não tive nenhum contato com algo de risco que me lembre.Nessa época a médica me disse que eu não poderia doar mais sangue e me pediu pra fazer pela terceira vez o exame.Na terceira vez deu negativo.A médica me disse que o exame é muito sensível, que por algum motivo deu positivo nas outras duas vezes mas que eu não tinha doença, nem nada, porém não poderia doar mais sangue.Eu fiquei arrasada, pq extava proibida de fazer aquilo que eu sempre sonhei.As vezes tenho vontade de ir em outro hemominas pra ver se eu consigo passar pelo sitema e conseguir doar sangue.Sei que isso é errado, mas a vontade de doar é muito grande.Fico triste por isso.

  13. Imagino que você esteja falando de hematócrito. Existe um valor de referência, que varia de acordo com sexo, altitude e o tabagismo. O motivo mais comum para alguém não poder doar sangue é o hematócrito baixo, mas se você tiver um hematócrito superior à faixa “normal”, é melhor consultar um hematologista (médico de sangue). Hematócrito baixo é geralmente anemia, e pode ser tratado por um médico de família ou clínico geral.

  14. Eu fiz alguns exames no inicio do mês de dezembro que deram negativos para hepatite ABC e negativo para HIV tbm,depois que vi meus exames negativos em tudo, procurei o hemominas ,depois que fiz esses exames doei sangue, mais eles me mandaram uma carta pedindo q voltasse e fizesse a doação dinovo, para realização de novos examesmais eunão tive nenhum comportamento de risco, será que devo me preocupar ?

  15. Enzo se você estava com os exames normais, então é pouco provável que o Hemominas esteja interessado apenas em repetir os exames. Mas homens podem doar a cada dois meses, então talvez o motivo do chamado tenha sido a falta de sangue que costuma ocorrer nessa época do ano.

  16. fui doar sangue cheguei na hora da entrevista a medica me perguntou se eu tinha tido relaçoes sexuais com outra pessoa eu disse que sim so que eu fiquei nervosa e confundi a data pois o periodo ja dava para fazer a doaçao se eu voltar da pra mim consertar o erro ou eu vou passar vergonha e voltar sem fazer a doaçao.

  17. Pingback: Novas regras para a doação de sangue | Doutor Leonardo

  18. Dr, minha namorada fez um exame de anti hcv no laboratorio municipal e deu reagente. Foi feito outro exame em um laboratorio particular onde deu negativo, e novamente foi feito outro exame no laboratorio municipal que deu reagente pela segunda vez. Os metodos utilizados foram diferentes. Depois disso minha namorada foi doar sangue num hospital conceituadíssimo aqui da cidade e todos os exames deram negativos hcv,chagas, sifilis,hiv,htlv. o que pode estar acontecendo?? Tenho medo de ela estar com algo pior…

    • Devido à forma como os exames de HCV e outras infecções é feito, pode haver falso-positivo, ou seja, a pessoa não ter a doença mas o exame acusar que tem. Os bancos de sangue costumam usar um ponto de corte muito sensível, ou seja, não deixa passar coisa alguma, mas acaba dando alguns falsos positivos. Uma ou outra pessoa nos outros comentários deste artigo tiveram situações semelhantes — eu sou um caso.

  19. Complementando a minha pergunta, a segunda coleta de sangue feita pelo laboratorio municipal foi tambem a mesma data da doação de sangue feita por minha namorada e o resultado uma semana depois foi a seguinte: Laboratorio municipal reagente pra hcv baixo titulo, e os exames feitos na doação do banco de sangue deram todos negativos, inclusive o banco de sangue deu até uma carteirinha de doadora pra ela. Desde já agradeço pela resposta.

  20. Dr, o exame hcv feito no laboratorio municipal foi abott, no particular foi quimioluminescencia, e no banco de sangue não sabemos qual foi o metodo empregado.

  21. Doei sangue pela primeira vez na sexta-feira, após a doação lanchei e estava me sentindo bem e fui embora. Mas um pouco depois passei mal, quase desmaiei. Alguns minutos depois melhorei e só me sentia um pouco fraca, o que passou completamente depois de algumas horas. Gostaria de saber se apesar disso posso voltar a doar, ou se isso indica que não devo doar novamente.

  22. olá sou doadora de sangue ja a 2 anos e nessa ultima me mandaram uma carta de convocaçao, nossa me desesperei, pois namoro a 6 anos e só faço relaçao sexual com ele cheguei a ligar de madrugada e brigar com ele fiquei louca sabe um frio na barriga ate tontura nao tive coragem de ir começei a pesquisar na net, encontrei esse site que me ajudou a ter coragem de ir no hemocentro, chegando lá demorou uns 30 minutos para me atenderem ai achei que era pk estava com aids ai comecei chorar, qdo o medico me atendeu me acalmou enfim sabem oke era? emoglobina s ou seja anemia falsetoma algo assim moral da historia se receber uma carta nao faça como eu vá logo eu sofri atoa e agora vou me cuidar redoblado nunca mais quero passar por isso um grande bjs fui!

  23. ola, doei sangue ontem pela primeira vez. Gostei muito e achei tranquilo, porem passei muito mal depois, estava chegando em casa, senti um cansaço, comecei a suar e ver tudo branco, entao sentei na calçada e custou muito passar, quando cheguei em casa deitei um pouco e fui tomar banho, entao a mesma coisa, quase desmaei, entao fiquei o resto do dia com dor de cabeça e cansaço. Nao entendi o que pode ter acontecido, no teste rapido de anemia, minha hemoglobina deu 14,7, sendo um valor otimo. Mais pretendo doar mais vezes.

  24. Olá…. meu esposo sempre doa sangue (4-4 meses) semana passada chegou uma carta do pro-sangue pedindo que ele retornasse para fazer novos exames, a carta não dizia nehuma suspeita, só dizia que tálves devido a ingestão de gorduras ou outros alimentos antes da doação possa ter alterado os resultados…..

    Fiquei 4dias desesperada, hoje ele foi ao pró sangue, porém continuo desesperada, pq apenas coletaram o sangue novamente e disseram que o resultado chega em 20dias, mas não disseram qual é a suspeita……….
    meu esposo perguntou para a menina que colheu o sangue e ela disse que na carta está falando algo diferente??

    Mas não têm nada sobre suspeitas na carta, até acho q essa carta deve ser padrão para todos e para qualquer suspeita…..

    e agora???? Alguem já recebeu alguma carta do pró-sangue que estivesse escrito algo diferente

  25. Olá pessoal,
    Eu também estou passando por experiências semelhantes, hoje doei sangue pela 1ª vez, após a doação, quando o enfermeiro estava retirando a agulha, eu desmaiei. Pior acordei urinada e muito enjoada. Fiquei quase de cabeça para baixo até melhorar um pouco e quando achei que estava bem levantei e ai piorei mesmo. Comecei a vomitar todo o suquinho que tinham me mandado tomar antes. Duas horas depois consegui ir para casa e tomar um banho, fui almoçar novas ansia de vomito e pressão lá em baixo. Passei o dia na cama. Gostaria muito de ser doadora, porém estou com medo que isso ocorra novamente. Afinal estou digitando da cama, sem coragem para levantar, ainda me sinto fraca.
    Obrigada

  26. Olá Andrea!
    Esse tipo de situação não ocorre à todos, mas já é bem conhecido por todos os profissionais que trabalham em bancos de sangue que indivíduos que doam pela primeira vez podem ter algum tipo de intercorrência como as que você descreveu… Isso é bastante comum pelo nervosismo da primeira vez, pela ansiedade e acontece como um mecanismo de defesa do nosso corpo à perda de sangue repentina (e não habitual) causada pela doação. No entanto, não significa que sempre que você for doar isso irá acontecer. Com a maioria das pessoas que não se sentem bem após a primeira doação, durante as doações seguintes, elas não tem qualquer complicação após o procedimento. Essa situação “quase de cabeça para baixo” que você passou é, na verdade, uma manobra-padrão para que você se recuperasse logo desse mal-estar e que ficasse tudo bem. Sou estudante de Biomedicina, doador de sangue e medula óssea, me formo esse ano e trabalho em um banco de sangue. Achei muito interessante a idéia do blog! Voltarei sempre!

  27. Na quarta vez que doei sangue, recebi uma carta pedindo para refazer a doação, fiquei muito angustiado e desesperado, achando que eu poderia ter uma doença grave e viral, apesar de ser impossível pois tenho a mesma parceira sexual a vários anos e ela tinha feito exame na época e não deu nada, e como eu nunca a trai eu sabia que o risco de eu ter alguma coisa era praticamente zero. Eu sei que fiquei muito triste, fui la refazer o exame e eles não sabiam a causa do reteste, pois na carta não dizia nada e ia demorar quase um mes pra ficar pronto. Eu não aguentei e refiz em clinica particular onde o resultado sai mais rápido. Conclusão, os resultados foram todos negativos na clinica particular, e quase um mes saiu também o resultado do reteste tudo negativo também. A médica disse que provavelmente foi algo gorduroso que eu comi um dia antes ou no dia da doação. Ai vai minha dica, não se desespere com essa carta se você sabe que não fez nada de errado, isso só acaba com sua paz.

  28. De fato, isto aconteceu aqui no MS, sou doador desdo 18 anos, agora com 26, fiz a ultima doação em agosto.
    Recebi uma carta de convocação solicitando o comparecimento no hemonucleo local , para nova coleta.
    Sim , é desesperador. Uma vez que não informam nada sobre, o que foi acusado nos exames realizados.
    O que tranquiliza, é o fato de na mesma hora mais 3 pessoas estarem lá fazendo o mesmo procedimento, e logo em seguida, em um bate papo informal com uma amiga minha de uma igreja ( onde 30 pessoas doaram sangue, coletivamente), varias delas tambem receberam a mesma carta.
    O ruim deste fato , é que os exames são feitos apenas na capital, ( campo grande), e os resultados chegam em 30 dias. Isso é um ponto critico , uma vez que, o material é transportado por mais de 350 km… e manusiado por profissionais que voce nao conhece , nao que duvide da competencia dos mesmos. Mas pode ocorrer acidentes durante percurso ou falha no manuseio do material.
    Como medida preventiva, não perdi tempo, gastei uma nota, mas solicitei, em uma clinica particular, uma bateria geral de exames, que como exposto por outros colegas no site, ficam prontos bem mais rapidos.
    O correto seria que os hemocentros, sinalizassem ao menos, em qual dos testes o resultado deu um falso positivo, ou positivo, a maneira em que o metodo é feito, é realmente des-humano. Ou ao menos, agilizassem o processo de entrega de resultado da nova coleta.
    Ai passa um filme de tudo o que voce pode ter feito nos ultimos 6 meses ( periodo de janela imunologica) para verificar se houve algum deslize ou falha de conduta.
    Enfim , vamos aguardar os resultados da clinica particular, e posteriormente o resultado do hemocentro.

  29. Bom, meu namorado tb recebeu essa carta pedindo para que ele retornasse ao Hemocentro para refazer os exames, pois havia dado alterações nos exames por causa de uma gordura que “camufla” todos os resultados, isso ocorreu há uns 15 dias, podendo ocorrer um falso-positivo para as doenças. E ele havia doado sangue em julho. Estamos juntos há 2 meses.. Fiz todos os meus exames em maio e estava td OK comigo, e não tive nenhum comportamento de risco nesse intervalo, msmo pq transei com camisinha e foi soh uma vez em meados de julho… Só que estou super preocupada com isso..

  30. Complementando, ele tb não teve nehum comportamento de risco e doa sangue há mais de um ano, ele voltou e fez todos os exames em jejum, conforme solicitado… É motivo de preocupação???

  31. doei sangue a pouco tempo e recebi uma carta urgente me pedindo para comparecer ao hemobanco, estou milindrado, concerteza nao e coisa boa, mais alguem pode me dar uma dica do que deve ser ?

  32. ANONIMO ,rsrsrsrs. Fui ao hemobanco tomar conhecimento dos exames e constou um indice baixissimo do virus do HIV , a Dra me disse que provavelmente isto seria um erro , pois os exames sao muito sensiveis e coisas minimas podem dar alteraçao, hoje recebi uma carta do hemobanco dizendo que já saiu os resultados do exame que fiz dia 18 , e também a carta que veio agora , acho que posso dizer assim “esta muito mais suave que a primeira” , estou pedindo muito a Deus que não seja nada ,tambem estou com o pensamento muito positivo! Queira Deus que eu continue sendo um doador!
    Não sei como voçe ficou quando estava esperandoos resultados de seus exames , mais eu to a milhão , o desespero é complicado! ate mais abrçs!

    • Anonimo, sei que já faz tempo, mas estou aqui para te dizer que meus exames não passaram de alarmes falsos, minha saúde esta perfeita, e também estou aqui para agradecer seu apoio, que foi muito importante para me tranquilizar, em apoio que veio no melhor momento, que deus te ilumine!

  33. Doei sangue em maio/2011, recebi uma cartinha em junho/2011 para refazer a coleta pois deu alteração no sangue, em meados de novembro me convocaram para falar com a médica do hemocentro.. eu estava certa de que eu estava com hepatite, pois tive um ex namorado que bebia muito.. quando entrei na sala e comecei a conversar com a médica, eu quase cai da cadeira, pois ela começou a falar sobre exame de HIV.. ela me disse que são feitos 3 exames para detectar HIV e que em 2 exames deu negativo e em 1 exame deu inconclusivo nas duas vezes que fiz a coleta do sangue… me pediu para retornar e fazer um novo exame em meados de janeiro/2012… estou super nervosa.

  34. olá, eu doei sangue a quase um ano já, e após 3 meses recebi uma carteirinha de doador e me convidando para doar novamente. bem, meu esposo teve uma relação sexual extra conjugal a 3 anos, e depois de muito choro o perdoei, mas sempre fica aquela pulguinha atrás da orelha. bem, só depois de quase três anos que fui doar sangue, e nunca havia feito exames para HIV antes disso. bem, minha dúvida é: por eu ter doado sangue, eu e meu esposo e recebido essa carteirinha e o convite creio que na doação é feito todos os exames né? inclusive HIV?
    att
    obrigada

  35. Bom dia!!! Estou super nervosa!! Eu já sou doadora a vários anos e nunca passei pelo que estou passando hoje.
    No começo de novembro, fiz minha doação e uns 10 dias depois recebi em casa uma carta registrada pedindo para eu comparcer ao banco de sangue em jejum de 4 horas. É comum esse jejum em todas as cartas de reteste??A carta dizia que o alto nível de sensibilidade dos reagentes podem acarretar em falso-positivo, fato que acarra a repetição d nova amostra de sangue e que embora não existisse razão para que eu me preocupe para eu comparecer ao banco de sangue para realização de novos testes. No dia seguinte fiz jejum de 4 hoas e fui.
    isso foi no meio de novembro.Quinta feira, dia 8, meu pai foi ao hospital para retirar os exames e não estavam prontos. Ontem, dia 9, recebi uma ligação do banco de sangue pedindo para que eu fosse lá hoje, pois a médica queria me dar uma orientação. Sobre o que?? NInguém me disse!! Embora eu não tenha feito nada, minhas relações (duas, no período de 1 ano, nenhum entre uma doação tranquila e essa que me tira o sono) foram semprte de camisinha, me deixam com uma pulguinha atraas da orelha, não consigo comer e nem dormir. Alguém pode me dizer, me ajudar, me falando de todas as possibilidade do que poderia ser?? Me desejem sorte…daqui a pouco,na volta do hospital, eu conto o resultado….por enquanto TORÇAM POR MIM!!

  36. Complementando…no perído entre uma doação e outra..do dia 11 de junho até o dia 12 de novembro..eu tive dengue, infecção urinária e uma dor muscular no ombro que me obrigaram a tomar alguns remédios. NO dia da doaçao, com um pastel de camarão. Essa coisas podem ter influenciada esse “maldito” reteste???

  37. Minha esposa doou sangue a penúltima vez em setembro de 2010 e nos teste não deu nada, e doou a ultima vez em outubro de 2011 depois de um més recebeu uma carta pedindo para ir no hemocentro pois nos testes realizados teria dado falso-positivo, oque poderar ser? eu já tive hepatite será que ela está com o vírus?mais se ela tivesse com o vírus na penúltima doação já teria acusado. eu acho muito injusto oque fazem com o ser humano mandão uma carta dessa falando que deu falso-positivo e não falam em qual teste foi.

  38. Sou doador de sangue, só que semana passado fui doar e passei mal, não completando toda a bolsa, será que recebo os exames mesmo não completando a bolsa?

    Obrigado

  39. Bom Dia a Todos !!!

    Fiz uma doação no mês de novembro de 2011 pois fazia uns sete anos que não doava nossa tomei um susto quando peguei a carta na portaria do condominio solicitando uma nova coleta para testes, Fiquei triste passou um filme na minha cabeça mas tenho fè em Deus que será um alarme falso estou ansioso daqui a pouco estarei lá para tirar as duvidas .Estou mais tranquilo depois que eu li os depoimentos da galèra, me confortou bastante .

    valeu !!!

    Seja Que Deus quiser !!!!

    Abraços….

  40. olá,
    Entrei em pânico hoje quando recebi uma carta pedindo que eu comparecesse à recepção do doador em jejum de pelo menos 4 horas, para coleta de uma pequena quantidade de sangue. A única explicação é : “Como os exames realizados apresentam grande sensibilidade, necessitamos em alguns casos de uma segunda amostra de sangue, para a conclusão do resultado.”
    Estou em pânico, o que pode ter acontecido?

  41. Olá, fiz os exames numa clínica particular e TODOS deram negativo!!!
    Fui numa campanha que estavam fazendo aqui perto e fiz uma nova coleta, acho que foi apenas um engano!🙂

  42. Bom tarde galéra !!!

    Graça a Deus deu negativo os exames !!
    Ah !!! só um pouco de hepatite c (9,99 deu 1,1 ) ,pode ser alguma bacteria ou um falso positivo mas o medico pediu uma nova coleta daqui uns seis meses para zerar e poder doar novamente…
    Foi uma lição de vida o susto que passei não quero passar mais, por este motivo vou rever mais os meus conceitos…

    Abraços…….

  43. Boa Noite alguém sabe me dizer por favor quanto tempo demora a cartinha após doação?
    Se estiver com algo ela costuma chegar antes ou é o mesmo período?
    Obrigada

  44. OLA,ESTOU PREOCUPADO COM UMA DOAÇAO QUE FIZ,POIS APOS UMA SEMANA,FUI PEGAR O RESULTADO E ME FALARAM QUE TERIA QUE TIRAR NOVA AMOSTRA,POIS ACHEI ESTRANHO,SOU DOADOR A 15 ANOS,E DOEI A 2 MESES E MEIO ATRAZ,SERA QUE EU ESTOU DOENTE?

  45. OLA PESSOAL,SOU DOADOR A 15 ANOS,E NESSA ULTIMA DOAÇAO DOEI PARA UMA AMIGO QUE TEVE UM ACIDENTE EM OUTRO HEMOCENTRO,MAS APOS UMA SEMANA FUI PEGAR O RESULTADO,E ME FALARAM QUE TERIA QUE TIRAR UMA NOVA AMOSTRA,ISSO ME DEIXOU MUITO PREOCUPADO,POIS A 2 MESES E MEIO DOEI VOLUNTARIAMENTE,E MEUS EXAMES DERAM TUDO OK,PORQUE SERA QUE MANDARAM FAZER DE NOVO,ME AJUDEM PESSOAL.

  46. Boa noite meus amigos….
    bom, doei sangue em uberaba, uma semana depois chegou uma carta em minha residencia como a citada por outros colegas, meu mundo caiu naquele momento, tudo passou pela minha cabeça, um sentimento único, vale lembrar que 30 dias antes eu tinha feito testes sanguíneos de rotina e estavam todos normais, inclusive HIV e hepatites B e C. faço sempre pois sou funcionário da área de saúde e me preocupo bastante em relação a isso… enfim, não pude ir a uberaba pois moro em outro estado, e aí, imaginem minha situação, entrei em contato por telefone em não dão nenhuma informação, somente pessoalmente…. fiz uma procuração a uma pessoa extremamente confiável para obter informações sobre o meu caso, lembro que aquela noite não dormi…apos alguns dias essa pessoa foi informada que deveria repetir por suspeitas de hepatite, mas não especificaram qual e nem a porcentagem…..a partir daí comecei uma busca incessante na internet em busca de informações e então li muitos estudos e relatos de casos sobre os testes feito em hemocentros…. onde fiquei um pouco mais tranquilo…..mesmo assim aguardei 6 meses da janela imunológica e fiz novos testes laboratoriais e graças ao bom senhor Jesus todos deram negativos…concluindo, gostaria de deixar minha indignação com os hemocentros em não comunicar na carta qual o motivo da repetição do teste e por não explicarem antes e nem nas cartas de reteste através de porcentagens sobre as repetições….( onde que em média 50% dos primeiros doadores são convocados para repetição dos testes e que em média apenas 2% são confirmados através de exames específicos )

    bom…espero ter ajudado alguns amigos desesperados como fiquei e estou disposto a ajudar….

    • Depois de fazer vários exames, inclusive HIV, todos com resultados negativos, resolvi que, deveria ajudar o próximo de alguma forma, para começar meu processo de solidariedade, fui doar sangue pela primeira vez, me senti tão bem fazendo que, me senti importante, menos egoista, útil. Hoje, 10 dias depois da doaçao recebi a tal carta para comparecer urgente ao hemocentro para aconselhamento e orientaçoes, entrei em pânico! Fui pesquisar e encontrei este site, vi o seu depoimento e fiquei mais calmo! foi um alento saber que em muitos casos nao passou de engano! quando vc disse que 50% dos inicientes sao convocados a comparecer ao hemocentro, foi como se toda a esperança voltasse… vou sair de ferias depois de amanha, so poderei retornar ao hemocentro na primeira semana de janeiro, pois vou viajar nas ferias. Nao tenho palavras para agradecer pelo seu depoimento que brotou novas esperanças de um final feliz. Muito muito obrigado! feliz Natal ! espero que DEus tenha piedade de mim também. Sem ser paranóico, será que tem chance do laboratorio particular que fiz exames (antes da doaçao) pode ter dado resultado errado para HIV? fiz exame em setembro e deu negativo, a doaçao foi no final de novembro, ja tem mais de 1 ano que nao tenho relaçao sexual com ninguem, logo, se eu tiver HIV o laboratorio particular errou, ne?

  47. Hoje fui ao hemocentro fazer doação se sangue, não foi minha primeira vez, entretanto me senti muiiiitttttoooo mal, logo depois da coleta já senti um pouco de tontura, mas melhorei ao ter a cadeira inclinada, levantei e parecia melhor, achei que passaria logo, saí do hemocentro e passei muito mal minha cabeça parecia que explodir, só conseguia aguentar abaixada, entrei no carro e pensei que ia ter um treco, logo em seguida vomitei tudo que havia comido, e mesmo depois de descansar 8hs, ainda estou com uma leve dor de cabeça.
    Acho que faltam informações a esse respeito que deveriam ser dadas pelas enfermeiras quando percebem este tipo de reação, e não apenas inclinar a cadeira mas informar ao usuário o porque da reação e o que pode vir a acontecer depois, pois pesquisando na internet vi que meu caso não é isolado.
    Parabens pela iniciativa

  48. Gente tbm estou desesperado, doei sangue e recebi essa maldita carta registrada, pedindo pra retornar ao hemocentro pra refazer os exames. Realmente passa muita coisa na cabeça da gente. Estou com medo de voltar lá e descobrir alguma doença, mas com os relatos de muitos aqui, estou mais seguro.

  49. Olá, uma pilula anticoncepcional pode gerar também uma nova apresentação ao hemocentro para novos exames?? Minha namorada fez sua primeira doação junto comigo e ela recebeu a carta para retornar para novos testes (creio que doenças não seja pois estou namorando a 8 meses e eu não recebi a carta). Minha dúvida é essa se alguém puder dar alguns esclarecimentos só pra ficar mais calmo eu agradeço. Obrigado pela atençao

  50. Doei sangue a 3 dias, acabei asando mal depois da doação, mas tudo bem…
    Vi relatos imaginei a situação de receber a carta…deve ser muito ruim…Confio em Deus e em sua graça que só vão entrar em contato pra informar que posso doar novamente…
    Abraço e força..

  51. Olá, pessoal!
    Descobrir este blog por conta da tão temida carta registrada pedindo o retorno ao hemocentro para refazer os exames. A carta diz que houve dúvida na leitura das análises sorológicos das amostras coletadas. Na hora fiquei tranquilo, mas depois começou a bater um pouco de pânico. Liguei para uma amiga que trabalha no mesmo hospital em que fiz a doação e, segundo ela, as cartas são padrão apenas especificando se a dúvida nos resultados refere-se à análise sorológica, o que pode ser indício de alguma infecção, ou a alguma outra coisa relacionada as células do sangue, não lembro o nome agora. Pediu que eu ficasse calmo, que na maioria das vezes não é nada, como a própria carta diz, mas é difícil! Voltarei ao hemocentro após o fim de semana, mas já sei que terei alguns dias muito tensos até pegar os resultados.

  52. Ola pessoal, meu mardio doou sangue e recebeu a carta..la disseram e mostraram
    os resultados do exame.. tudo ok.. mas o paciente q recebeu o sangue teve febre. e pediram nova amostra pra ver se ha alguma infecçao no sangue algo assim..temos um filho de 6 meses, fiz todos os testes na gravidez e confio muito nele..
    a mulher disse q nao era pra se preocupar , que espera ele em janeiro pra doar novamente.. sera q eles mentiriam se tivesse dado algo grave?
    sinceramente ainda assim estou com medo de ela ter mentido acreditam?
    obrigada

  53. Estou com uma duvida se alguém puder ajudar…
    Doei sangue dia 20 de setembro de 2012 e depois doei outra vez em 10 de novembro.de 2012
    Sabia que o intervalo teria que ser de 3 meses ,mas a doação era para um amigo e queria muito doar.E doei com apenas 1 e 20 dias(menti na hora que me perguntaram quando tinha sido a ultima doação).
    Na primeira doação não senti nada nem na hora nem depois.Ja na segunda na hora não senti nada ,mais logo depois fiquei com enjoo ,muita dor de cabeça e o corpo ruim.
    Estou preocupada, o que pode causar doar sangue com um intervalo tão pequeno como o que eu de?

  54. Fiz doação de sangue aqui na minha cidade em dezembro de 2012 e hoje recebi essa bendita carta para comparecer novamente ao hemocentro para refazer novos exames. Nem preciso dizer que tbm estou apavorada…. amanhã vou ao hemocentro e espero não ser nada grave… os comentários deixados me aliviaram um pouco mas mesmo assim fica aquela duvida e mil coisas passando pela nossa cabeça…

  55. Realizei uma doação de sangue há alguns meses atrás,e semana passada recebi essa carta,fui fazer o resteste e provavelmente os resultados saem na quinta-feira,confesso que fiquei muito angústiado,chega a ser revoltante o método que eles utilizam para fazer esse procedimento,nao conto quanto tempo fiquei pensando nisso,quantas horas por dia passo pesquisando sobre sintomas do hiv,hepatite,htlv,nao conto o quanto subiu o meu nível de tensão a ponto de perder a fome,suar frio,e pra falar a verdade neste momento eu estou chorando,pois tenho planos,sonhos,quero construir minha família,pois irei casar ano que vem,minha namorada falou que independente do que for vai ficar comigo,mas acho que seria egoísmo meu expo-la a tal risco,quero contribuir e muito para o Reino de Deus,
    E mesmo confiando em Deus,e bem mais tranquilizado pelos comentarios daqui eu estaria mentindo se dissesse que nao estou com medo,mesmo nao tendo nenhum dos sintomas de hiv,htlv,doença de chagas ou sifilis,talvez tenha sentido um problema no fígado no passado o que possa representar uma possivel hepatite,mas enfim creio no Deus que eu sirvo,e na quinta-feira estarei aqui compartilhando com todos minha vitória.
    Mas que esse método é revoltante e desumano nao tenha dúvidas,vou chamar a atenção do pessoal la na clinica para tentarem mudar esse ponto de vista.
    Que Deus abençoe a todos.

  56. Bom,fui pegar hoje o resultado,e deu incerteza,pois foram realizados 3 testes,1 deu positivo pra anti hiv 1 e 2,e os outros dois deram negativos para os mesmos,tambem foi realizado o NAT e deu negativo,mas eles ficaram de fazer mais um teste hoje pra tirar a duvida,e somente na quarta-feira terei o resultado,mas estou muito mais tranquilo e confiante,com fé em Deus,vai dar tudo certo.Amém.

  57. Foi descartado a possibilidade de estar com HIV,so tenho a agradecer a Deus por mais essa vitória,Glórias e Graças a Deus por isso.
    Sejam positivos,confiem em Deus,entreguem seus caminhos a Ele,e o mais Ele fará.
    Deus abençoe a todos.

    • Estou passando por esta provaçao e agradeço o seu depoimento que me ajudou bastante, espero que eu tenha vitoria e tudo nao passe de engano! muito obrigado, torça por mim! quando vc relatou como se sentia, toda a insegurança, devido ao recebimento da carta, me indetifiquei totalmente com a sua situaçao, obrigado pelo seu depoimento. Que vc realize todos os seus sonhos e planos! obrigado

  58. ola, eu e meu marido fomos doar sangue,recebi a famosa carta pedindo pr repetir porque um dos exames deu inconclusivo, liguei lá e disseram que só fui convocada pra refazer e que os do meu marido estão todos certos, tudo negativo. Estamos juntos a 10 anos, creio que estou desesperada a toa, se meu marido não tem nada, eu com certeza não terei. me deem suas opinioes pessoal para me confortar mais.

  59. Foi a primeira vez que doei sangue, depois de um mês recebi uma ligação do banco de sangue, que teria que comparecer novamente para fazer novos exames a partir das 11:00 até as 14:30, não recebi a carta pois voltou devido a numero errado, fique sem comer, dormir uma angustia sem fim de preocupação. No dia seguinte fui lá e conversei com médico….. e que veio a boa notícia que não era nada grave somente deu alteração Hepatite B( que era com em 40% das pessoas), pediu para fazer novos exames sobre isso… ufa pelo menos nada mais grave… escrevo aqui pois a Internet tem muita informação negativa, quantos mais informações eu lia mais coisa negativas entravam na minha cabeça.

  60. Bom eu também estou desesperada, pois doei sangue pela segunda vez, e quando fui pegar os resultados no hemocentro, me pediram uma segunda amostra de sangue, alegaram que deu alteração nos exames que foram realizados. A moça que me atendeu disse que não era para eu ficar preocupada antes de pegar o resultado, pois poderia até ser apenas colesterol alto. Por favor me ajudem, alguém me responda o exame pode ter alteração por colesterol alto?

    • Graças a Deus os exames que fiz depois, deram todos negativos, segundo o médico que me atendeu a alteração que deu nos primeiros exames, pode ser efeito da vacina H1N1, que tomei dias antes de doar sangue… Desejo que Deus abençoe a todos vocês…..

  61. Doei sangue
    três vezes.Nas
    duas primeiras
    deram positivo
    para htlv que
    só fiquei
    sabendo
    quando fui
    doar pela
    terceira vez.
    Mesmo estando
    positivo no
    sistema as duas
    doações com
    reagente
    htlv.
    Dez dias depois
    fui buscar o
    laudo e deu
    positivo para
    htlv outra
    vez.Tiraram
    outra amostra
    e pediram para
    buscar o
    resultado em
    30 dias.

    Estou em
    pânico!Por que não me avisaram nas outras duas?Por que permitiram a doação?

  62. Eu doei sangue para ajudar o pai de um amigo. Nem me lembrava mais, depois de um tempo recebi uma carta pedindo que fosse ao hemocentro para realizar novos exames. Cheguei lá e o médico perguntou se eu havia tomado a vacina contra gripe, e eu respondi que sim, havia feito um mês e pouco antes de doar. Ela falou que eu estava ali pois um exame do HIV deu exame inconclusivo. Disse para não me preocupar, pois em 95% das infecções em menos de um mês já aparece positivo. Fiz a coleta mas terei de esperar dois meses, acho que irei fazer um teste, li que tem um teste que tu faz e em 15 minutos está pronto. Não tive relações de risco mas fiquei com medo, pois sempre tive uma vida sexual ativa, e sempre usei preservativos, mas vai saber. Estou com medo, mas postarei o resultado.

    • Aconteceu o mesmo comigo, e quando fui pegar o resultado dos novos exames, deram todos negativos. Fique tranquilo (a) provavelmente é só efeito da vacina H1N1. Eu também havia tomado a vacina há menos de um mês.

    • Me ligaram do hemocentro pois os exames estavam prontos. Tudo certo, provavelmente foi a vacina da H1N1 que causou o resultado inconclusivo. O importante é sempre usar preservativo, assim se acontecer um exame inconclusivo você fica com a conciencia limpa.

      Outra coisa boa foi saber que eu vou poder continuar doando sangue, ajudando as pessoas.

  63. Boa noite a todos, estou aqui para compartilhar minha experiência em ter feito a doação de sangue e após 10 dias receber esta terrível carta:
    Fui doar sangue com meu parceiro no hemocentro de minha cidade , após 10 dias recebi esta carta e ele não, fui ate o local e logo me pediram para refazer o teste, refiz o teste e deu reagente para HIV nos 2 testes, o interessante e que com o meu parceiro não constou nada, ele está com exame não reagente e o meu constou reagente, mesmo assim irei fazer novamente o teste e pensar na possibilidade de dar falso positivo novamente.

    obs; após 2 dias de doação descobri que eu estava com dengue, e fui fazer o teste menos de 1 mês da cura da dengue, isto pode intereferir , alguém sabe sobre isto:?
    obs: ate então nosso relacionamento foi de 2 anos e meio, sem momentos de traição.

  64. Á TODOS VOCES EU DIGO QUE CONFIEM EM DEUS,ELE ESTÁ DE BRAÇOS ABERTOS ESPERANDO QUE VOLTEM A VIVER NA SUA PRESENÇA.PEÇAM E SERÃO ESCUTADOS,BATAM E A PORTA SERÁ ABERTA. FAÇAM DIFERENTE QUERIDOS,QUE DEUS CONFORTE E AUMENTE A FÉ DE VCS,QUE ELE GUARDE TODOS OS SEUS CAMINHOS E ACALME O CORAÇÃO DE CADA UM.TAMBM ESTOU PASSANDO POR ISSO MAS SEI QUE O MEU DEUS É O DEUS DO IMPOSSIVEL,POSSO PASSAR O QUE FOR,EU SEI QUEM LUTA POR MIM.

  65. Doei sangue em São Paulo, mês passado. Domingo checando meu correio vejo a carta, fiquei apavorada, só tive relações sexuais com namorados, mas muitas vezes desprotegida, porém já havia realizado testes e todos deram negativos. Bom, vi a carta no domingo, e o horário de atendimento era de segunda a quinta, já dá pra imaginar o sufoco, né? Não dormi a noite toda, fui a primeira a chegar no hemocentro, antes da própria médica que me atenderia. A espera interminável pra ser atendida, e mais ninguém estava lá para refazer os testes, apenas para novas doações. Fui ficando mais nervosa, até que me chamaram. A médica que me atendeu foi super seca, ficou uns 5 minutos sem falar nada, apenas olhando o computador e minha “ficha”, do nada solta um “bom, querida, você provavelmente não tem nada, aqui consta uma pequena alteração para hepatite B”. Na hora só faltava dançar, a vontade era de gritar, não que eu estivesse feliz por TALVEZ ter hepatite B, mas pq nunca pensamos na melhor das possibilidades e sim na pior, que ao meu ver é o HIV. No mais estou tranquila esperando o resultado, lembro-me de ter sido vacinada para hepatite B, porém não sei se recebi as 3 doses. Alguém sabe me informar se, caso dando negativo, eu posso voltar a doar?
    Gostaria de dizer que passei meu dia de angustia nesse blog lendo os depoimentos e ele me tranquilizou muito, e é por isso que resolvi contar minha experiencia, para que pessoas que passem por isso vejam e fiquem mais tranquilas, volto em 10 dias para contar o resultado!

  66. Em set/13 eu fiz uma doação no Hemominas em minha cidade. Eu não tenho problemas com agulhas, então fiquei calmo e sem maiores preocupações. Aproveitei e fiz meu cadastro para doação de medula, algo que eu já queria ter feito há bastante tempo.
    Passados cerca de 40 dias, recebi a malfadada CARTA, pedindo que voltasse com urgência ao local de doação para novos exames, bla bla bla, para a minha própria segurança. Acho que ninguém consegue imaginar a sensação horrível enquanto se está lendo a carta. Realmente, só passando para saber como é angustiante. Não sei se essa carta é produto de norma (lei, portaria ou algo do tipo), só sei que, a meu ver, é uma maneira horrível de receber um comunicado desses. No meu caso por ex., recebi numa sexta-feira, no fim do dia, sendo que só seria possível saber mais informações de segunda a sexta, a partir das 8h. Podem imaginar como foi meu fim de semana. Aliás, a angústia durou desde o minuto em que li a carta, até hoje, no momento em que entrei na sala com o médico, que me disse: “pela grande sensibilidade do exame, você teve apenas uma alteração para Doença de Chagas. De 3 testes, um deu positivo. O resto está ok. Acreditamos ser uma falha, mas por segurança, teremos que repetir esse exame.” Eu não sabia se dava um soco ou se beijava o cara. Enfim, não fiquem aflitos. Não é anormal receber essa droga de comunicado, assim como alguns já relataram aqui. Eu só queria saber disso no dia em que fui doar. Assim não seria uma surpresa tão desagradável. Abraços a todos.

  67. Aaaaff! Depois que recebi uma carta do Hemoce, fiquei com medo, que deu um suspense, um filme passou pela cabeça, uma retrospectiva do que fiz ou não, noites mal dormidas preocupada. Mais em fim…. Não passou de um único exame do qual deu inconclusivo devido o sangue ter coagulado, e eles precisavam de uma nova amostra. ¬¬ Pense, tirou 10000000000000kg de cima de mim, consigo até respirar melhor. Graças a Deus era apenas isso! Obrigada meu Pai.

  68. Queridos,

    Boa tarde.

    Vim aqui deixar meu relato sobre a “Carta”, fiz a doação pela primeira vez no mês de Outubro/2013 e no final de novembro/2013, recebi a carta solicitando que eu retornasse,pois algumas vezes devido alguns alimentos gordurosos os exame poderiam sofrer alterações, solicitaram jejum de 4 hrs.

    Tenho 25 anos, não troco de parceiros com frequência,mas mesmo assim me senti insegura,até liguei para um ex namorado… Bom, no dia seguinte eu fui,conversei com a médica e ela me informou que havia dado positivo para sífilis; Ainda que fosse ruim,respirei aliviada,pois há tratamento,fiz a nova coleta de sangue e a semana passada eu fui para refazer o exame porque deu NEGATIVO,LÓRIAS A DEUS! Ela me disse para ficar tranquila,pois se na segunda amostra dá negativo,na terceira também dará.

    Quero então,encorajar você que assim como eu e outros tantos aqui receberam a carta… Vá,refaça teu exame, confie no Senhor e tenha paz.

    Que Jesus abençoe esse termino de ano e o inicio do próximo e que todos tenham SAÚDE para que possamos continuar nossa escolha, doar sangue,dar vida!

    Paz.

  69. Bom,

    Queria deixar o meu relato aqui sobre essa carta indesejada que nos faz pensar nas piores besteiras. Fiz a minha primeira doação de sangue em meados de Dezembro/13, onde me informaram que os exames estariam disponíveis p/ consulta pela Internet no prazo máximo de 40 dias. Eis quer esqueci dos tais exames, e certo dia fui buscar uma correspondência na caixa de correios e estava lá! A maldita carta! Então…fiquei desesperado porque sabia que coisa boa não era. Como era no sábado por volta do meio dia, não dava mais tempo de ir no Hemocentro. Foi aí que meu calvário começou! Tenho certeza que foi o pior final de semana da minha vida! Muita angústia, tensão e sofrimento foram os ingredientes do meu final de semana! Pesquisei sobre todas as doenças possíveis e cada vez que eu via todas as doenças e seus sintomas nenhuma daquelas eu tinha algum sintoma…então o que me sobrou foi o HIV, vírus que ppde ficar incubado em nosso. organismo pot anos sem manifestar nenhum sintoma sequer. Fiquei desesperado! Não quaneo seja uma pessoa que não me previna. Sempre fui extremamente responsável com sexo. Acontece que na minha adolescência há uns dez anos atrás tive alguns namoros que não usei camisinha com minhas namoradas, além de ter tido umas duas experiências com camisinha estourada em sexo casual com menina que vc conhece na balada. Enfim, fiquei com isso martelando na minha cabeça…será que eu estaria há tanto tempo com o vírus sem se manifestar? Só consegui me tranquilizar mais depois que achei esse blog iluminado, onde tantas pessoas passaram pelo mesmo sofrimento mas que, no final das contas não passou de alarme falso devido à grande sensibilidade dos exames realizados nos hemocentros! Minha fé em DEUS e em nossa senhora é enorme e eu tinha certeza que eu não seria afetado por nada grave! Conclusão: no dia que fui ver o que tinha dado de errado, a enfermeira me informou que tinha dado indeterminado p/ Hepatite B! Fiquei tão feliz que nem deu importância à Hepatite B kkkkk! Mas tive que refazer os exames p/ hepatite B em outro laboratório. E quando recebi o resultado tinha dado não reagente p/ 3 exames de hepatite B! Ou seja, graças a DEUS eu não tinha nada! Então p/ as pessoas que receberem é maledita carta, não sofram antes do tempo! Tenham primeiramente fé em DEUS e mantenham a calma, pois a princípio os exames podem dar algo devido à enorme sensibilidade dos mesmos, mas na maioria dos casos quando os testes confirmatorios são refeitos não dá nada! Grande abraço a todos e que DEUS os abençoe! E prevenção sempre!

  70. Este argumento de ultra-sensibilidade para relator sobre resultados falso-positivos deveria ser chamado de ultra-erro no diagnostico. acredito que resultados de exames ou é verdade ou é mentira ou é positivo ou é negativo. Imagina um erro num teste de HIV e um suicídio da pessoa diagnosticada na sequência e o pior uma assassinato do parceiro (a) por desconfiança da lealdade com quem ficará a culpa com o homicida ou com o hemocentro?

    • Sebastião, se algum resultado der alterado, você será chamado pelo médico do hemocentro, e ele vai dar as explicações adequadas ao mesmo tempo em que entrega o resultado do exame. Você está enganado ao acreditar que um exame de laboratório, por si só, seja equivalente a um diagnóstico de doença. Nós médicos fazemos o diagnóstico parecer fácil, mas acredite, não é simples assim!

      Se alguém cometer suicídio ou homicídio antes de receber o resultado dos exames, ou então apesar das orientações que recebeu, então acho demais ficar culpando o Hemocentro.

      Além disso, quem quiser saber se tem HIV ou outra doença deve procurar um centro de triagem anônima (CTA) ou um médico, e não um hemocentro! Os exames do hemocentro são um excesso de zelo: só deve doar sangue quem sabe que não está doente.

  71. Oi pessoal.
    Estou no cagaço, minha ex mulher(separados há 2 semanas) foi doar sangue esses dias, e ontem chegou uma carta do Hemocentro para ela voltar lá. Disseram que deu positivo para hiv tipo b. Ela está surtando e eu quase. No final de 2012, ambos doamos sangue, e não recebemos notícias contrárias. Agora vamos refazer os exames, e tranquiliza saber da quantidade de falsos-positivo.
    Abraço.

  72. Boa noite! Hoje a tarde fui receber o resultado dos exames de repetição. A primeira vez que doei deu HTLV +, então fiz a repetição, que deu INCONCLUSIVO, daí a enfermeira do Hemocentro disse que o Hemoce realizou um exame especifico que eu não sei o nome direito não decorei, mas tem alguma coisa haver com Blosson, ou Blost, não lembro, este exame é mais especifico segundo ela,, rigoroso, e então o resultado foi HTLV -. Ela disse que com esse exame comprova que eu não tenho nada, porém, não poderei doar até os próximos 6 meses. Graças a Deus, Estou muito tranquila agora, em paz. Espero que outras pessoas que tiverem que passar por essa tensão sejam fortes, e confie em Deus, pois foi quem eu mais pedi. Fé, tenhamos muita Fé no nosso maravilhoso Jesus. E previnam-se sempre.

  73. Bom, doei sangue dia 1 de fevereiro de 2014, e dia 14 de fevereiro me chegou a tal carta, pedindo urgentemente para voltar para uma nova coleta. Me desesperei chorei dias, pois doei em uma cidade vizinha, mais pertencente a outro estado, então só teve como eu ir 5 dias depois. Nesse tempo, eu não comia, dormia ou era feliz, achei que tinha tudo: HIV, Hepatite, Sífilis, cheguei a pensar que tinha até câncer. Briguei com meu marido, acusei ele de ter me traído e ter contraído HIV, sendo que ele tinha doado uma semana antes de mim em uma cidade vizinha também, mais de outro estado e pra ele não tinha chegado nada, nem resultados de exames e nem convocando ele para nova coleta, me senti horrível, por pensar que na minha segunda doação teria uma doença grave e que só estava acontecendo comigo. Enfim o tão temido dia da nova coleta chegou, passei a noite em claro, pensando o que eles falariam. Depois de 10 minutos que me apresentei fui chamada pelo médico do Hemonúcleo de Barretos. Sem mais nem menos ele me disse que não sabia o que aconteceu pra ter me solicitado para uma nova coleta, que podia ter quebrado algum frasco do meu sangue, ou o sangue colhido não foi suficiente. Fiquei arrasada por não terem me dado nem uma explicação. Mais emfim, colheram meu sangue e me disseram que em mais ou menos duas semanas chegaria uma nova carta em minha casa, com meu cartão de doadora ou me solicitando para voltar. Enfim se passaram 18 dias e a tal carta chegou, antes de abri-la eu já estava em pranto e com muita dificuldade consegui ler o resultado: A nova coleta mostrou que todos os seus exames tiveram resultado NEGATIVOS! Te esperamos para uma nova coleta assim que der o tempo permitido. Eu agradeci a Deus incansavelmente por ter me atendido e ter atendido as orações de minha família, e escrevi esse texto enorme para passar á vocês tamanha aflição e alegria que passei e que tenha FÉ, Deus não abandonam seu filhos jamais. Acho que jamais saberei o que deu de errado para ser chamada para nova coleta, mais tá bom, estou feliz por ter ajudado no máximo 4 vidas, e pretendo continuar doando, esse susto não me impedirá de continuar com gestos solidários.

    • Ola cerca de 2 anos apos o termino do meu namoro, me relacionei com duas garotas, uma teve sexo oral(ela em mim) sem camisinha na preliminar e uso da camisinha na penetração, e a outra apenas sexo oral (ela em mim) sem camisinha. isto tudo no ano de 2013 a ultima relação foi em julho mais o menos no mesmo ano, em outubro fiz um exame de hiv no cta, o teste rapido, deu não reagente para hiv 1 e hiv 2, algum tempo se passou e não me relacionei com mais ninguém, em 2014 em abril fui realizar uma doação de sangue pela primeira vez, e chegou uma carta na minha casa para comparecer ao ao hemonucleo e fazer um novo teste, perguntei ao medico que disse suspeita de hiv positivo, mais que podia ficar tranquilo pois as maquinas são muitos sensíveis e acusam falso positivo, bom desesperado realizei mais dois exames no particular, um no método quimioluminescência que deu não reagente para hiv 1 e hiv 2, e fiz outro pelo método elisa, que ainda não busquei. Bom minha duvida é a seguinte, existe mesmo essa margem de erro falso positivo, não sinto nada de anormal, sou atleta, tenho muita disposição, e além do mais fiz os anteriores teste rápido, e o pelo método quimioluminescência, e além do mais não estou em na janela imunológica, sorológica, já se passaram 10 meses, não iria acusar também no Quimio se tivesse algo? E ainda aguardo a confirmação do Hemonucleo

  74. Boa noite pessoal!
    Quem está passando pelo fim de semana mais angustiante da vida atualmente sou eu. Trabalhei e estudei muito esta semana, estava muito cansada… quando saí do trabalho na sexta à tarde fui muito feliz pra casa, só pensando em aproveitar meu fim de semana. Coloquei o pé dentro de casa e minha irmã veio me entregar “a carta”. Quando li o envelope que dizia ser do banco de sangue e urgente, simplesmente parei de respirar. Parece que o mundo foi desabando à minha volta. Sentei, abri o envelope e li a solicitação para comparecer ao hemocentro para “tratar assunto do meu interesse”. Somente isso. Agora, eu, que fui doar sangue pela primeira vez, e para minha mãe que acabou de fazer uma grande cirurgia, estou aqui também lendo e pesquisando tudo a respeito, imaginando o pior, claro. À meu favor tenho um pastel que comi momentos antes de fazer a doação, pois não me disseram nada sobre não ingerir gordura, e ser alérgica a milhões de coisas. Contra, tenho um namoro que terminei há 7 meses atrás, em que não usávamos preservativo há algum tempo já… que arrependimento agora… desde então não me relacionei sexualmente com mais ninguém… ah, meu irmão foi doar no mesmo dia que eu, comeu o pastel também, e não recebeu a carta… Deus me ajude…

  75. Eu recebi uma carta hoje, resumindo passa tudo isso e mais alguma coisa pelas nossas cabeças. Sou casada a 8 anos, tenho um filho de 4 anos e na minha cabeça a primeira coisa foi pronto, tenho HIV. Eu queria matar o meu marido, culpa-lo enfim… Recebi a maldita carta mas sem carácter urgente, só pedindo q eu compareça ao hemocentro da UNICAMP inclusive com data e hora marcada. Como recebi hj, e era hj q eu tinha q comparecer mas fui ver eram mais de 18:00. Lendo aqui os depoimentos fico um pouquinho mais tranquila e acredito q se fosse mto urgente pediriam q fosse o mais rápido possível. Mas é mto chato, até me sentindo coisas q nunca senti vc sente. Passam mil coisas na sua cabeça. Estou mais aliviada e ao mesmo tempo não estou, com medo de alguma coisa dar errado. Sempre tive vontade de doar, e ainda pedi para ingressar no grupo de doares de medula óssea, só me faltava não poder doar mais, deviam mudar o método de aviso.

  76. Gente nunca escrevi em internet , mas pela primeira vez quero dar meu depoimento. Tenho 21 anos e sou estudante de medicina. Sempre tive medo de doar sangue pelo fato da agulha ser muito grossa, porém resolvi doar pois o professor iria dar um ponto para quem doasse. Então dia 14 de março fui ao hemocentro da minha cidade e doei. Tudo correu bem, até receber a maldita carta no dia 4 de junho, uma quarta feita, que dizia ” ao tempo que agradecemos sua doação a convidamos para comparecer a este hemocentro no setor de serviço social de segunda a sexta das 8 as 11 e das 14 as 16 para realização de novos exames. Informamos que esse é um procedimento usual do nosso serviço visando a segurança transfusional dos nossos usuários”. Chorei a noite toda, pois já sabia que algo havia dado errado. Relutei em ir, pois fazia apenas 6 meses que eu havia iniciado minha vida sexual, e algumas vezes não me protegi. Durante dois dias pesquisei tudo que existia na internet e achei esse site, me alivie um pouco porém continuei tensa. Passado o fim de semana, criei coragem para ir. Chegando lá, logo fui atendida, não tinha ninguém aguardando. A senhora do serviço social então disse ” ficou nervosa com a carta ?” ” é muito normal as pessoas receberem, não se preocupe, vamos ver o que deu errado aqui “… Bom, meus exames todos haviam dado negativos, apenas houve um achado para anticorpo de hep B ( sendo que eu havia tomado a primeira dose da vacina 4 meses antes de doar). Então ela disse ” anticorpo é bom demais, vc entrou em contato com o vírus mas ele já foi eliminado e agora vc já está protegida naturalmente , porém não pode doar, pois seus exames sempre darão alterados , mas vc n tem nada . Além disso, vamos repetir esse exames, pois há ainda a chance de 40% de ser um falso negativo” . O alívio foi imediato pois sempre pensamos o pior, HIV, mas graças a Deus, deu negativo para todas as doenças pesquisadas. O conselho que eu dou para quem recebeu a carta: não se desespere, pode ser mil e umas coisas, como uma comida gordurosa que vc comeu antes, anticorpos, hemoglobinopatias, seu sangue pode ter coagulado impedindo a realização dos testes ou até mesmo a quebra ou rachadura de um tubo de ensaio. Não se crucifique, Crie coragem e vá confiante, que tudo dar certo. Mas nem tudo é um mar de rosas, então se você recebeu recebeu teste inconclusivo ou reagente para sífilis, HIV, ou as outras pesquisadas, saiba que sífilis tem cura e o tratamento é muitos simples apenas injeções de penicilina. HIV é o bixo papão, mas se você recebeu esse “diagnóstico”, procure o hospital de doenças infecciosas de suas cidade e comece o tratamento. Tomando os remédio TARV e se cuidando para evitar outras doenças, você pode levar uma vida normal!!
    Bom, espero que tenha ajudado como esse site me ajudou ! Boa sorte a todos e confie em Deus 😊😘

  77. Ola boa noite. Escrevo pois também estou desesperada com a situação de recebimento da tal carta. Meu noivo doou sangue em 31/07 e recebeu a correspondência solicitando nova coleta em 14/08 (ultima quinta feira) já no final da tarde. Na sexta bem cedo foi ao hemonucleo refazer os exames. O problema é q lá ninguém o atendeu, não deram satisfação alguma, apenas coletaram o sangue novamente e marcaram retorno para daqui há TRINTA DIAS ! para conversar com a médica. estamos desesperados sem comer ou dormir direito. Hoje não aguentamos e fomos a um laboratório particular fizemos os dois novos exames, esses resultados ficarão prontos em 07 dias…….07 dias infindáveis……confesso que no inicio fiquei mais aliviada ao ler os depoimentos destes site, porém já estou nervosa novamente, pois no retorno ele não foi atendido por ninguém, nenhum médico deu nenhuma explicação do que é a suspeita……apenas colheram o novo exame e marcaram o retorno com o médico…..estamos muito nervosos……peço a Deus que sua misericórdia permita que não seja nada demais…..apenas algum engano……

  78. Boa noite!
    Eu doei sangue agora de tarde. Saí do Hemominas tranquila, sentido nada, mas no meio do caminho (indo pra casa) eu desmaiei e vomitei, e ao entrar no ônibus eu desmaiei novamente. É a terceira vez que doo; na primeira vez eu desmaiei, mas foi porque eu subi a escada correndo; na segunda foi super tranquilo, e foi no inverno.
    Estou preocupada, pois não fiz nada de “errado” então estou sem saber o porque. Apesar do meu pavor de agulhas, eu gosto de doar e saber que estou ajudando. Estou chateada, pois estou com medo de doar sangue e acontecer isso novamente.
    Isso pode dizer que sou fraca pra doar?

    Att,
    Obrigada!

  79. Nossa gente,
    Estou muito aliviada por todos os depoimentos que estão neste blog. Achei este site por conta da tal carta do Hemobanco. Doei aqui em curitiba, no início de 2013, e deu tudo certo, depois por conta de tatuagens que fiz, fiquei muito tempo sem doar e agora resolvi ir de novo, em novembro de 2014, quase dois anos depois. Recebi a tal carta, mas não dizia para refazer os testes, apenas dizia para eu comparecer ao hemobanco para receber orientações com relação aos resultados dos meus exames que requerem atenção. Acredito que não deva ser nada de muito grave. Fiquei apavorada, mas depois que li tantos relatos aqui, me sinto muito muito melhor!!! Seja o que Deus quiser. Volto para dar notícias!! E desde já agradeço a vocês que de alguma forma me ajudaram, mesmo sem saber ou sem esta ser a intenção.

  80. Acabei de receber a carta, namoro a um ano, sempre usei camisinha e nunca fiz sexo desprotegido antes, ja tinha doado em julho e não mandaram carta alguma, agora na segunda vez que doei em novembro eu recebo essa maldita carta rsrsrsrs graças a Deus achei esse site, to mais tranquilo, vou la amanhã ver o que é….. Se Deus quiser não vai ser nada….

    • A carta veio escrita assim:
      Assim que você doa sangue, inicia-se um processo de preparação do mesmo para ser transfundido, que inclui vários testes sorologicos com reagentes de alta sensibilidade com o fim específico de triagem, assim como testes para detecção de homoglobinopatias.
      Pedimos que você agente horário para ser atendido novamente no hemocentro, portando documento de identificação com foto para ser informado dos resultados dos seus exames.

      *vou na segunda-feira.
      Li alguns relatos de ser anemia falsiforme.

  81. Acabei de receber a maldita carta, que péssimo modo de solicitar a ida de uma pessoa para refazer os testes. No exame do meu marido de 8 anos deu tudo negativo. Estou surtando!

  82. Pessoal, boa tarde, vim aqui novamente e os comentários desse blog me deixaram menos nervosa depois da tal CARTA, confesso, se eu fosse cardíaca, teria morrido!
    Comparei hoje novamente até o banco de sangue para ver porque deveria repetir meus exames, e a médica disse que nada constava no meu protocolo, que podia ser um tubo de ensaio que estourou ou amostra insuficiente. Fiquei louca da vida e não estou completamente calma. Tive que repetir meus exames. Alguém já teve uma experiência parecida?

  83. Bom dia.
    Pessoal ainda nem dormir tenho um parceiro a 5meses sempre fiz meus exames por ter sofrido risco em 2013 porem gracas a deus não deu nada. Sendo assim semana passada fiz novamente e deu negativo.
    Agora entrando no assunto meu parceiro fez a doação de sangue em novembro de 2014 e recebeu a carta e uma ligação do hospital santa Marcelina em Itaquera para ir hj as 10 horas passar em uma consulta estou com a consciência limpa porem um fundo de preocupação tanto que não conseguir dormir ate agora fui parar no hospital por crise de nervoso.
    Gostaria de saber oq vcs acham sobre a minha historia?
    vou ir com ele ate essa consulta espero e creio em Deus que não dara em nada após as respostas posto aqui oque deu nos resultados.

  84. Oi Gente, então eu li quase todos os comentários e desabados do pessoal, eu passei e estou passando por isso, eu tive uma relação de risco em junho de 2013, na época nem liguei, era tonga, boba e ingenua ……. depois de uns 3 meses comecei a namorar sério, e faz 1 ano e 7 meses que estou com essa pessoa, e no inicio de janeiro desse ano, ele foi fazer a doação de sangue, eu comecei a pirar, pq eu comecei a pesquisar na net, e tem tanta coisa boa e ruim sobre relatos das pessoas que passaram pela mesma situação, algumas tiveram um final infeliz, então comecei a pensar muita coisa e a pirar, ficar sem comer, dormir, chorei dia e noite, rezei mto pra Deus, hoje faz um mês que meu namorado doou sangue, e até agora ele não recebeu nada na casa dele, nem os resultados, minha mãe é doadora à 2 anos, e os resultados dos exames demoram entre 1 mês e 1 mês e meio. Nao aguentei a pressão fui atrás da pessoa de 2013….. e ele tbm tinha feito uma doação de sangue no final de 2014, então fui e perguntei a ele sobre os resultados dos exames dele, ele até se ofendeu… mas me mandou a foto com todos os resultados NÃO REAGENTE… isso me deixa 98,8% mais tranquila… mas vamos esperar os resultados do meu namorado…. e depois eu conto aqui de novo… Acho que quem passa por uma essa situação, teve um aprendizado pelo resto da vida… Valeu gente, ! Deus proteja a todos vocês, e que tira esse peso das costas!!!

    • Depois de 1 mês pra tomar coragem pra fazer o exame e 1 mês e 10 dias pra tomar coragem pra ir buscar o resultado, acabo de chegar com o resultado.
      Graças a Deus deu negativo. Mais um falso-positivo para a estatistica. Tirei um peso do tamanho do Titanic das costas. Estou aliviado, tenho ctz que depois de meses de noites mal dormidas, conseguirei relaxar.

      Façam os exames, rezem, orem, pois Deus faz milagres. Não me canso de dizer isso nunca.
      Força, e estou a disposição para quem quiser tirar duvidas (após o susto me tornei PHD em HTLV kkk)

      Grande abraço.

  85. Fui doar sangue e recebi uma carta, voltei e o medico pediu pra refazer o exame de hepatite b, estou sem dormir a dias e o resultado ainda nao saiu, mas eu tomei as três vacinas, sera possível eu ter essa doença?

  86. Pela primeira vez fui doar sangue, em abril/2015 no Hospital das Clinicas (pro Sangue), pois a filha de um amigo estava precisando!

    Após passar pelo exame rápido de anemia, pressão etc são feitas várias perguntas e tem que ser respondidas com sinceridade, drogas, relações sexuais, doenças na família, tudo!

    Depois disso você vai para a doação. A doação é simples, não dói nem nada, passei um pouco mal porque tenho a pressão bem baixa, mas nada demais! depois comemos um lanchinho e vamos pra casa, os resultados saem em até 60 dias e chegam na sua casa.

    em 7 dias chega uma carta na minha casa dizendo que preciso voltar com urgência na Pro sangue para repetição dos exames, que isso seria muito importante para minha vida e de terceiros. Fiquei completamente desesperada…. no dia seguinte faltei no trabalho e fui!!!

    lá ele não me disseram absolutamente nada, apenas que faltou sangue para realizar os exames, o que na verdade é ética médica… sempre que algum exame grave: HIV, hepatite etc dá positivo é obrigatório repetir os exames.

    enfim, até então não sabia disso…. fui e repeti os exames…achando que sairia na hora, mas demoraria 20 DIAS. gente 20 dias é muita coisa pra quem esta desesperado!

    quando li na internet, so haviam depoimentos ruins de quem havia sido chamado para repetição.

    chorei muito…. e fiquei 7 dias muito mal….

    liguei para a média todos os dias durante esses 7 dias e no sétimo ela me pediu que retornasse la pra ela me passar os resultados…que havia dado uma alteração!

    fui imediatamente…

    chegando lá ela me explicou:

    meu exame de HIV havia dado positivo e eles tinham que tirar a prova.
    o primeiro exame é chamado ELISA e é um exame muito sensivel, varias coisas podem interferir nesse exame e fazer com que de alteração para um “falso positivo”.

    fizeram um segundo exame, esse exame separa os dnas do virus e examina eles por grupos…. apenas é considerado positivo quando mais de 3 grupos dão positivo, no meu caso foram 2 e o exame deu indeterminado.

    no terceiro exame que é chamado exame ouro, eles examinam dna por dna… e esse deu negativo, graças a deus eu não tenho o virus!

    durante 7 dias repensei minha vida e hoje sou diferente, espero que se alguém estiver passando por isso e der positivo leve a vida da mesma forma, se trate e seja feliz assim como eu havia decidido ser.

    • Estou passando por algo parecido no momento.
      Sempre doei sangue, todos meus exames deram aptos. Há um mês atras recebi uma carta do Hemocentro, pedindo meu comparecimento, pois havia dado algo diferente em meu exame da ultima doação. Ja perdi o sono.
      Liguei para o hemocentro pedindo um adiantamento do assunto, o que me foi negado.
      Compareci até o local, e me disseram que o ultimo exame havia dado uma alteração para o virus HTLV. O médico me disse que não era HIV, HPV ou Hepatite, porém não me disse o que isso importava pra minha vida. E pediu uma contra-prova.
      Sai do medico, fui pesquisar o que seria isso. Quando li a respeito da transmissão, do que a doença poderia acarretar, me desesperei. Senti o mundo desabar, o chão ruir sob meus pés.
      Não consegui contar pra ninguém, muito menos meus pais. Estou esperando meu médico chegar de viagem, para que ele possa pedir o exame. Dias e mais dias de angustia.

  87. Hoje eu recebi a tal carta..
    quando cheguei em casa por volta das 18.00 h recebi a carta registrada..
    Diz para fazer um jejum de 4 horas ai fui ver na internet e o único exame realizado no hemocentro que necessita de esse jejum e o de HIV..
    Estou pesquisando na Internet entre lagrimas e so lendo este site e que me tranquilizei um pouco..
    na boa acho desumano este tratamento..
    Carta registrada coisa boa não trás..
    Eu tive pouquíssimos parceiros e não faco parte de nenhum grupo de risco.
    A ultima vez que fiz os exames de sangue estava tudo ok..
    Acho um absurdo os mecanismos que eles usam para nos informar isso..
    Deveria haver um medico para atendimento por telefone..
    Li por aqui que demoram outros 30 dias para realizar os exames..
    Eu vou sair de la amanha e ir para uma clinica particular realizar os testes..

  88. Eu também recebi esta carta.Chorei desesperadamente. Quando voltei ao hemocentro o médico me disse que deu sensibilidade para chagas. Colheu meu sangue para repetir os exames. Não tem ninguém da minha família com essa doença, mas mesmo assim estou preocupada. Tenho colocado minha ansiedade nas mãos de Deus. Agora é esperar o resultado que deverá sair em dias.

  89. Leonardo fui doar sangue e depois de alguns dias recebi uma carta do emoce fiquei louco nervoso com muito medo ai tive a coragem de ir la novamente,refazer o exame pois temos que encarar os problemas de frente perguntei se eu tinha alguma coisa grave ela disse que eu ficasse tranquilo e não se preocupasse pois os exames são muitos sensíveis ela disse que deu uma leve possibilidade de Hepatite B estou meio receoso refiz o exame mais estou na linguagem coloquial com uma pulga atras da orelha .

  90. Na minha primeira doação também aconteceu a mesma coisa que vem sendo relatada aqui. Deu reagente para um dos vírus, eu refiz o exame e foi constado um falso-positivo. Na última consulta que tive (na qual recebi o resultado do segundo exame), foi marcado um retorno para dali há cinco meses. Alguém sabe para quê serve esse retorno, considerando que foi constatado que estava tudo bem? No alívio do momento acabei esquecendo de perguntar à médica.

  91. Fiz uma doação sexta, e recibir a convocação para refazer os exames estou com muito medo porque tenho problema de garganta a quase um ano, e me disseram que sintomas de amigdalite sintoma para hiv, só que eu antes de doar sangue eu fiz exames comuns e estavam todos normais, mas não fiz exame de hiv, estou apavorado, pq eu tenho certeza de nunca ter feito sexo sem camisinha, mas oral ja fiz algumas vezes pessoas fazendo em mim, minha oreocupaçào são estes sintomas da garganta, mas refiz o exame hoje espero em jesus cristo que eles seja Igual a maioria que não seja nada demais.

  92. Doei sangue dia 01 de dezembro e recebi essa maldita carta pedindo para eu comparecer hj dia 13 de janeiro para passar por consulta. Fiquei apavorada, loguei lá duas vezes para tentar ter alguma informação. Depois de ler vários depoimentos aqui, fiquei um pouco menos angustiada, mas ainda assim não consigo dormir. O jeito é esperar.

  93. Pessoal Deus ele e misericordioso e que ele conforte todos os corações. Pessoal eu não conheço vocês pessoalmente mas tenho algumas palavras para dialogar com vocês, existe um período chamado janela imunológica no nosso organismo onde a pessoa pode estar infectada por algum vírus esse período pode variar de pessoa para pessoa. Pessoal se vocês tiveram algum período de risco durante um ano não vá a hemocentros doar sangue. O sangue que e coletado dependendo pode valer para salvar ou prejudicar quatro pessoas. A palavra de Deus diz para amar o próximo como a si mesmo já pensou passar doença viral para uma criança de cinco anos de três anos pense refrita existe muitos lugares de testagem de doenças como do HIV da sífilis comprada ate mesmo em farmácia só que tem que esperar meses do período de risco , Existe também lugares públicos onde faz a testagem rápida onde não precisa esperar tanto e não precisa nem de se identificar pessoal não faz com que pessoas que estão precisando de carinho receba tristeza. Tenha consciência compartilhe amor sabedoria cuida porque não sabemos do dia de amanhã se ate nos mesmos iremos precisar de sangue e com certeza não queremos ser afetados por pessoas negligente. Pessoal um abraço que Deus venha abençoar a todos.

  94. Passei pela mesma situação descrita por muitos aqui, fiz minha primeira doação no mês de julho de 2015 meses passaram e não tive nenhum retorno quando foi no mês de Dezembro chegou em minha residencia a bendita carta de ”convocação” na hora entrei em desespero mesmo não fazendo parte de nenhum fator de risco pensei diversas coisas pois ha um ano atras trabalhei em área hospitalar então logo pensei que havia me contaminado na época de trabalho no dia seguinte antes de ir trabalhar fui ao hemocentro e fiz novamente os exames como ja estava quase no final do mês o medico marcou o retorno para o dia 15/01/16 , apos uma semana recebi uma ligação dizendo que os enfermeiros entrariam de ferias e remarcaram para o dia 20/01/16 fiquei um mês angustiada esperando a tal resposta porem na mesma hora passei em um medico do meu convenio expliquei a situação ele passou os exames após 7 dias recebi os exames pude conferir na mesma hora em casa e para o meu alivio não constava nada mas fico perplexa com a forma que eles trabalham sem se quer disseram porque estava refazendo os meus exames falaram apenas que deu alteração mas não sabiam em qual dos exames .

    • Eu vou fazer esse exame semana que vem e tenho umas dúvidas, qual o prazo para relação sexual, temos que está sem ter relação a quanto tempo? E nessa carta também vem o cartão de doador?

      • Lela, a gente não doa sangue para saber se está com alguma doença; a gente doa sangue para ajudar quem precisa receber a doação. Se você estiver preocupada com a possibilidade de ter HIV/Aids, deve procurar um Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) ou uma unidade básica de saúde (posto de saúde, centro de saúde). O banco de sangue vai poder lhe orientar melhor sobre os cuidados que você precisa ter com a doação, e o CTA ou unidade básica de saúde sobre os cuidados que você precisa ter com o exame. Em princípio, acredito que não haja restrição à atividade sexual antes de qualquer um dos dois. Os exames que precisam de abstinência sexual são o Papanicolaou (“preventivo” de câncer de colo de útero) e o espermograma (que só homem faz).

  95. Dr, meu namorado fez os exames no dia 30 de dezembro. 28 dias depois ainda não chegou nada. Leva em média um mês? Estou preocupada e vi casos que demoram 3 meses e mesmo assim acabam por receber essa maldita carta. Não consigo dormir a noite com medo dessa possibilidade e não encontro respostas plausíveis na internet em relação ao tempo que demora pra essa carta de reteste em
    Média chegar… Obrigada

    • Alice, só devem doar sangue pessoas que muito provavelmente não têm qualquer doença transmissível pelo sangue. Os exames são feitos para proteger a pessoa que recebe a doação, e não para cuidar da pessoa que faz a doação. Se você ou seu namorado estiverem preocupadas com a possibilidade de infecção por HIV ou outro micróbio, vocês devem buscar uma unidade básica de saúde (posto de saúde, centro de saúde, clínica da família) ou um Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA).

  96. Passei pelo mesmo transtorno que muitos relatam aqui. Digo transtorno, pois a ideia que eles passam que podemos ter uma doença grave alastra com a nossa vida.
    Enfim… em 2006 fiz uma doação de sangue para uma amiga que iria passar por uma cirurgia, passei muito mal no dia, para ser sincera quase morri, mas depois descobri que tudo isso foi porque eu estava grávida de 2 meses e não fazia ideia. Alguns dias depois os resultados chegaram na minha casa por correio e graças a Deus tudo bem.
    Sempre quando alguém me pedia para doar sangue eu não conseguia ajudar, pois havia criado um medo pelo fato de ter passado mal a primeira vez. Mas em janeiro desse ano um tio meu muito querido estava precisando de doação. Passei por cima de todo meu medo e fui junto com meus familiares fazer a doação. No dia fiquei muito tensa, nervosa, quase não consegui doar devido aos meus batimentos que não se controlavam, por fim a doação aconteceu.
    No dia em que eles colocaram no papel que sairia os resultados eu fui pesquisar na internet e lá tinha um esclarecimento que meus exames haviam dado alteração, o que poderia não significar nenhuma ocorrência de doença, mas que eu precisaria retornar ao local da doação.
    Quase morri, meu mundo ali desabou, mesmo não fazendo parte de nenhum grupo de risco aquilo para mim foi a morte.
    Isso foi no sábado, mas devido ao feriado da segunda feira tive que aguardar até terça para conseguir ir até lá. Chegando até o hospital me pediram para aguardar e uma médica me chamou. Ela me disse que meu resultado havia dado positivo para uma das doenças,(Chagas, Sífilis, Hepatite B e C e HIV) ela não quis me dizer qual a doença, (mas nem preciso dizer que isso já foi o suficiente para me deixar apavorada). Ela me explicou que os exames realizados são falhos e que sempre aconteciam falsos positivos, me pediu que tivesse calma, pois ela me garantia 99,9% de ser falso positivo, mesmo assim aquilo não me confortou. Refiz os exames cedi novas amostras e fui para casa aguardar.
    Foram os piores 15 dias da minha vida. Meu marido me acompanhou no dia que fui fazer a recoleta e aproveitou e doou sangue.
    Nesse dia só chorei, imaginava o que seria do meu filho, se eu poderia ter contaminado ele, o que seria da minha vida dali pra frente, tenho muita fé em DEUS e confesso que se não fosse isso, o amor dos meus familiares e amigos mais próximos não teria passado por isso bem.
    Perdi a graça de tudo, tentava me animar mas aquela duvida e medo não saiam da minha cabeça, eu pensava como eu que só tive um homem na minha vida, sempre fui tão cuidadosa poderia estar passando por aquilo.
    Como fiz exames no final do ano passado, me consultei com meu medico e o mesmo me pediu tranquilidade, pois se eu tivesse algo mesmo que não tivesse feito o exame especifico já teria apresentado alguma alteração, ele me disse para aguardar os resultados do banco de sangue, pois eles iriam verificar tudo minuciosamente e eu poderia confirmar ou não.
    Enfim como já disse passei os piores 15 dias da minha vida. Enfim os resultados do meu marido saíram, todos negativos, mas isso só serviu de tormenta, pois comecei a me imaginar com a doença e em como iria provar a ele que nunca havia o traído. Até que ontem liguei no banco de sangue e a recepcionista me informou que meu resultado já estava pronto, mas que para ela aparecia como bloqueado e eu teria que falar com o médico, pois poderia ter sido confirmada as suspeitas. Entrei num desespero sem tamanho, liguei para minha família inteira, liguei para meu esposo, chorava copiosamente e sai do serviço sem ao menos avisar meu chefe e fui direto ao hospital. Chegando lá a recepcionista me pediu que aguardasse, quando a médica me chamou ela me explicou que na primeira coleta o meu exame deu positivo para HIV e que eles me chamaram para refazer, pois precisavam tirar a prova. Enfim ela me explicou que o primeiro exame chamado Elisa é muito sensível e que pode dar falso positivo, eles repetiram o Elisa que deu negativo e fizeram o western blot que também deu negativo, ela me avisou que meu nome foi incluído novamente como doadora e que posso voltar a doar daqui a 2 meses.
    Então o que tenho a dizer a outras pessoas que passam pelo mesmo problema, dá medo dá, não devemos nunca deixar de investigar é ruim é, mas nunca nunca duvide do amor de DEUS e nunca perca a fé nele que é o Sr de todas as coisas. Pude estar lendo muito da doença nesses 15 dias e a realidade é que hoje graças a DEUS ninguém morre do HIV, para isso é necessário tomar todos os remédios direitinho e manter uma vida saudável, sei que na pratica é fácil falar também me desesperei, mas não se desespere, pois DEUS nunca falha e hoje sei que tudo isso que passei é porque DEUS quer me mostrar algo e eu vou continuar confiando que até o mal que nos acontece é porque devemos sempre levar o seu nome.
    Entrei para as estatísticas do falso positivo, mas com certeza não foi á toa.
    Fiquem com DEUS e como já disse nunca duvide, acredite sempre!!!

      • Karina, se você está preocupada com a sua saúde, deve procurar um serviço de saúde, como um Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), uma unidade básica de saúde ou um consultório médico. Os exames da doação são escolhidos e calibrados para proteger a saúde de quem recebe a doação, e não para confirmar ou afastar suspeitas de quem faz a doação.

  97. Também recebi essa maldita carta. Mesmo não pertencendo a nenhum grupo de risco, é hipocrisia dizer que não preocupa. Pra falar a verdade, não consegui dormir direito. Como vários relatos aqui, também não tinha nada de grave (sífilis, hiv, chagas, hepatite). Além disso, a sensibilidade no processo de triagem é real e pode gerar sim falsos resultados. Em termos técnico não sei explicar muito bem o meu caso, disseram que inclusive era um resultado de “cura”. Acho que os dizeres da carta poderiam ser melhorados. Da maneira atual, desmotiva a pessoa que recebe a doar novamente, afinal ninguém quer passar por essa angústia infernal. Entendo a seriedade de evitar que os receptores se contaminem, mas o efeito psicológico nos doadores deve ser melhor trabalhado.

      • Eu estou desesperada
        A ponto de cometer uma loucura
        Pq recebi a carta e não fui
        É hj a vigilância epidemiológica veio atrás de mim pedindo pra que eu compareça e refaça os exames
        Af
        Como isso é horrível meu Deus
        Ainda mais que sou parte do grupo de risco

      • A resposta é simples, faça o teste que assim você se livra da dúvida. Provavelmente vai estar tudo certo. Mesmo se o teste confirmar que você esteja com alguma doença, deve ser algo cujo tratamento está disponível pelo SUS e em alguns casos até na rede privada.

  98. Quero deixar aqui meu depoimento.
    Em 2012 fiz uma doação de sangue. Pois um familiar precisava.
    Em Janeiro de 2015 recebi a carta para comparecer ao Hemocentro. Isso em uma Sexta-Feira depois do trabalho.
    Liguei e li a carta para o atendente e o mesmo falou que isto era só com o médico e era para eu ir o mais rápido possível.
    Achei estranho e vim procurar na internet. Tentei me convencer que se eu tivesse com algo não demoraria anos para receber a tal carta.
    Tinha plena certeza que não era por transmissão sexual. Mas, em 2012 estava no meu 1º emprego na emergência de um hospital. Como era muito nova, logo pensei que tivesse me contaminado sem perceber.
    Enfim, na Segunda-Feira fui ao local refiz o exame de sangue e nada foi me informado. Só o médico poderia conversar comigo. E o mesmo só conversaria depois do resultado do exame.
    Só falaram que eu deveria voltar daqui a 15 dias para o resultado.
    15 dias intermináveis se passaram e fui buscar meu exame. Fora o grande constragimento dos atendentes falando a todo momento da minha carta, do exame refeito, o médico me atendeu.
    Me explicou que em 2012 eles não tinham o teste para Anemia Falciforme.
    Mas que eles estavam cadastrando os portadores, para fazer acompanhamento com o especialista via SUS.
    Eu nasci em 1988, então no teste do pezinho não tinha o teste para a Anemia Falciforme. Meu irmão que nasceu em 2001, no teste do pezinho foi dectada esta anemia. Ele faz acompamento. Mas, por convênio.
    Ambos temos um traço de anemia.
    Logo após o ocorrido comigo. Alguns amigos que doaram entre 2011 e 2012 tbm receberam está mesma carta.
    Quando recebi a carta, corri para a internet e achei esta página e me ajudou e me informou muito.
    Achei válido deixar meu relato, para quem sabe ajudar ou só a nível de conhecimento mesmo.
    Muito obrigada.

  99. Doei sangue pela primeira vez no final de dezembro num banco móvel.. Recebi carta ontem dia 8 .. Mas carta foi enviada dia 26/02 consta na carta. Solicitam minha presença no HEMOBA e que é um procedimento comum por motivos alimentos gordurosos.. Mas eles não me pediram pra fazer jejum! Agendei minha visita para quinta a tarde .. Ler os depoimentos aqui me deixaram mais calma.. Mas ainda não estou 100% calma ! Estou com tanto medo.. Mil coisas passam pela minha mente.. Apesar de não ‘‘ ficar com um e outro”. Só peço a Deus que me dê paz de espírito!

  100. Venho tentar tranquilizar todos com o meu relato.
    Recebi a carta do hemocentro e fui o mais rápido possível.
    Lá conversando com o médico fui comunicado que o resultado deu um falso positivo para Hepatite B. Ou seja teria que realizar uma coleta para ter certeza se tive Hepatite B ou não.
    Pois o meu organismo se curou da Hepatite, mas realizando o exame teria o sinal verde para doar novamente ou não.

    É muito importante manter a calma nestas horas…
    Nem sempre o pior acontece.

    Continuem doando sangue, é um ato de amor ao próximo!

  101. Também recebi a aterrorizante carta para refazer os exames.

    Fui doar sangue pela primeira vez com mais uma amigo. No primeiro momento me assustei com a ficha entrevista, pois é um tanto intimidador, visto que são várias perguntas, que te leva a uma reflexão se você está mesmo apto a doar. Mas como era a primeira vez e pela falta de experiência dei continuidade, inclusive mentindo um pouco, não informando o uso de medicamentos que estava tomando ou a quantidade de parceiros sexuais nos últimos 6 meses.
    Primeiro quero deixar o sentimento de culpa que senti após a doação por não ter sido honesto, pois poderia estar colocando a vida de outras pessoas em risco, por uma atitude irresponsável da minha parte. Depois fiquei torcendo para que algo desse errado e minha bolsa de sangue fosse descartada, pois não queria na minha consciência a culpa de prejudicar uma pessoa inocente.

    Bem então algo deu errado. Eu estava ansioso pelo resultado, no qual deveria receber um cartão de doador pelo correio e isto significaria que estava tudo bem, porém ao invés disto recebi uma carta, solicitando para eu refazer os exames com uma nova amostra de sangue, pois não tinha sido possível realizar todos os meus exames, e para piorar ainda pedia para que fosse em jejum e com o cartão do SUS.

    Isto aconteceu numa sexta feira e a partir daí meu mundo desabou. Sim desabou porque eu devia, ou seja, tinha a possibilidade de ser algo grave, pois já havia iniciado a vida sexual por mais de 10 anos e nunca tinha feito sequer um exame de HIV, mas durante todo o período de atividade sexual, foram muitos riscos assumidos e em praticamento 100% dos casos o sexo oral era sem camisinha, entre outros detalhes. Então começou a passar um filme pela minha cabeça de tudo que poderia ter dado de errado. Não conseguia conversar, nem assistir TV, nem trabalhar, nem comer, nem dormir, passei o final de semana imaginando que poderia estar com HIV e que não tinha preparação psicológica para ter esta doença. Guardei tudo para mim e não tinha com quem compartilhar tanta aflição.

    Em alguns momentos decidia que não iria refazer os exames e depois já mudava de opinião porque a dúvida me consumia a paz, foi quando então criei coragem e fui até o hemonúcleo. Chegando lá estava tão aflito com o que poderia ouvir que não consegui nem dar bom dia ao atendente. me encaminharam para fazer a coleta e no final a moça me perguntou se eu queria saber porque estava fazendo novamente o exame, eu respondi que sim e então me encaminharam para falar com a chefe responsável, que me disse que seria necessário fazer os exames novamente porque havia dado reagente para a SIFILIS. Naquele momento me senti aliviado ao ver os resultados dos outros testes todos negativos e ao mesmo tempo preocupado pela possibilidade de estar com uma DST, porém que tem tratamento e que nem se compara a uma doença crônica como a AIDS

    Isto serviu de lição para minha vida e para uma mudança de atitude, porque é como se eu tivesse uma segunda chance.

    Não esperei a confirmação e já procurei meu médico para fazer os exames pela clínica e já iniciar o tratamento caso seje confirmado. Neste momento estou aguardando os resultados.

    Meu conselho é que por mais que seja assustador receber esta carta, não se preocupe e o mais breve possível volte para refazer os exames, pois independente do que você tenha você já tem e ficar sabendo é a melhor alternativa, pois você terá informação, e informação é poder. Com ela poderá se tratar a tempo e ainda se preparar e prevenir futuros problemas, como por exemplo contaminar outras pessoas ou deixar a doença chegar num estágio avançado que você possa se arrepender. Também pode tomar decisões mais assertivas na sua vida quando você sabe o que tem.

    Lembre -se, são realizados vários testes e nem sempre vai ser uma doença tão grave ou talvez seja apenas um falso positivo mesmo. E se for encare de frente.

  102. Cheguei em casa por volta as 20hs, quando recebi a famosa carta. Confesso que me desesperei, apesar de não fazer parte de grupo nenhum de risco. Tinha q estudar a noite, mas a cabeça ficou um turbilhão e nao consegui me concentrar. Vim pesquisar na internet e graças a Deus achei esse grupo, que me tranquilizou com as mensagens dos colegas. Fui hoje ao centro de hematologia e me indicaram para conversar com a medica. Ela olhou pro computador e me falou pra não me preocupar que nao era nada grave, exames todos ok, mas apresentou um traço falcemico. Sem duvida a sensação de alivio é muito grande. Precisei refazer o exame, para saber que traço falcemico seria. A noticia ruim é q nao posso ser doador. Me senti a obrigado a postar meu testemunho aqui, pois me tranquilizei bastante com o relato de todos.

  103. Gente, hoje de tarde fui doar sangue no hemonúcleo da minha cidade, estou com 24 anos, tenho uma estatura baixa, eu não sabia ao certo o meu peso. Meu namorado é doador e minha mãe também, então me animei pra ir junto.

    Chegando lá, estava apta a doar, porém havia um empecilho, me pesaram e eu estou com 47Kg e o peso minimo é 50Kg. Nossa, fiquei muito triste, de imediato me senti uma inútil, me senti uma esquelética… =( (na verdade eu tenho um peso ideal para o meu corpo) mas enfim, me senti mal com isso.

    Alguém poderia explicar de uma forma clara e objetiva porque o peso minimo é 50kg?
    Já busquei na internet. Mas gostaria de saber por alguém daqui.

    Desde já obrigada.

  104. Boa noite!
    Uma certa vez fui doar sangue e recebi a maldita cartinha do Hemocentro. E o pior era ver o selo de “URGENTE”. Confesso que não voltei para realizar o novo teste. Fiquei aflito. Consegui esquecer o assunto.
    Após o acontecido, fiz outras duas doações em locais diferentes onde a carta não foi enviada ao meu endereço.
    Creio que o primeiro caso não passou de um “falso alarme” como muitos relatos aqui!!
    AMÉM!!!

  105. Dr. Eu sou doadora d medula ossea e Doei sangue na ultima sexta feira para um tio k estava doente estava super calma antes d doar nao lanchei só tomei um suco , mas quando a enfermeira tirou a agulha me deu ma queda d pressão muito forte com uma sensação d franqueza formigamento e dormência por mais d quinze minutos então a enfermeira inclunou minha cabeca e subiu minhas pernas depois d 20 minutos passou então eu sai lanchei e preenchi a pesquisa d satisfação depois vim para casa mas desde d então venho sentindo uma fraqueza com um sono com quedas d pressão constantimente e algumas veias no meu corpo tipo nos bracos e nas coxas estão numa cor verde bem viva e visiveis. Alguem pode m dizer se isso é normal e knd mais ou menos passa esse mal estar.

  106. Deixo aqui o meu testemunho, gente em 2014 fiz a doação de sangue e recebi esta carta para retorno então fiquei apavorada pensando o pior entrei neste site onde vi a experiência de todos e mesmo assim com mto medo não voltei ao laboratório e nem fui ao medico, ficava na angustia de ter algo mas o medo era maior. Então em 2015 engravidei e fiz todos os exames de sangue e tudo perfeito graças a Deus repeti esses exames varias vezes durante a gestação e nada hj estou com meu baby super saudável e glorifico a Deus todos os dias pela graça por ter cuidado de mim, meu filho e uma bênção do senhor. Gente mas deixo aqui meu concelho. Qndo receber a carta vá ao medico tire a duvida e não fique pensando o pior pq a angustia e a duvida e ruim demais confie em Deus que ele protege.infelizmente cometemos erros que podem acabar com nossa vida mas Deus esta presente para nos perdoa e nos livrar de todo mal confie nele.bem e isso. Obrigada Meu Deus!

  107. Recebi a carta hoje, através de uma foto , pois me mudei.alegando que não foi possível concluir os exames.
    Ou seja, me desesperei, achei que estava com hiv, meu marido enlouqueceu, os dois estavam sem chão. Mas apos ler TODOS os comentários, estou calma. Não fui chamada com urgência, nem jejum, tampouco para refazer exames que tenha dado um falso positivo. Espero que apenas tenha dado um coagulamento ou falha por eu ter ingerido um Mac donalds antes. Ate porque.estou 599 km de casa e terei de fazer exames por aqui.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s